O vestido de noiva de Meghan Markle dividiu opiniões, mas em relação à maquiagem parece ter havido praticamente uma unanimidade: (quase) todo mundo achou que Meghan deveria ter “caprichado” mais. 

No Brasil, estamos acostumados com maquiagens mais fortes para noivas, porque a brasileira costuma se produzir mais para festas e porque a maioria dos casamentos aqui são noturnos (os que começam à tarde contam como noturnos, já que logo após a cerimônia escurece). Mas, apesar disso, sempre fui da opinião de que a imagem da noiva inspira uma certa leveza, que deve ser refletida na maquiagem. Além disso, acho que existe um mito de que a mulher fica mais bonita com muita maquiagem… o que nem sempre é o caso.

Como comentei no Live durante a transmissão do casamento, Meghan estava de acordo com seu novo papel, já que as noivas da realeza costumam usar pouca maquiagem mesmo. Talvez porque sejam casamentos diurnos, talvez porque as tiaras já sejam grandiosas, talvez pela antiga visão da elite europeia de que maquiagem em excesso não seja elegante… e talvez porque busquem uma beleza atemporal que não denuncie modismos de maquiagem daqui a muitos anos.

Seja pelo motivo que for, fato é que a maquiagem das princesas é leve e, portanto, não costuma contar com sombra escura nas pálpebras, cílios postiços, contorno, iluminador… e quase todas deixam as sobrancelhas com aspecto mais natural:

Lembram-se de Alessandra Osma, que se casou com o Príncipe Christian von Hannover no começo do ano? Ela parece ter passado apenas uma base leve, rímel, blush leve, batom cor de boca acentuada. Super natural, muito menos maquiada que Meghan e, na minha opinião, estava linda! (Eu ando mais maquiada que ela no meu dia-a-dia, mas se eu tivesse esse rosto, com certeza não me maquiaria tanto!rs)

Perto destas (acima), Meghan Markle estava super maquiada! A base usada era leve e deixou as sardinhas aparentes, mas ela estava com toda a pálpebra móvel esfumada de marrom, estava com cílios postiços discretos e as sobrancelhas estava mais pintadas do que de costume. Ok, não estava com iluminador, como no primeiro evento a que foi depois de casada (o aniversário do príncipe Charles no Buckingham Palace)… mas iluminador parece de fato não fazer parte do look das noivas da realeza. Portanto, ela estava adequada para a ocasião, com uma maquiagem atemporal que realçou a sua beleza sem “transformá-la”. 

Além disso, a maquiagem parece mais ou menos forte nas fotos dependendo da luz. No carro, a maquiagem “imprimiu” um pouco mais forte…

na luz da igreja, a maquiagem parece um pouco menos forte…

… e ao ar livre parecia mais leve (as sombras do sol não favorecem muito também…):

E se compararmos com as princesas que carregaram um pouquinho mais na maquiagem, Meghan continua dentro dos padrões.

As princesas Tatjana da Grécia e Charlene de Mônaco usaram maquiagens mais acentuadas nos olhos, mas com tons claro de sombra:

A princesa Madeleine da Suécia se casou com os olhos mais marcados, mas ainda assim manteve certa leveza porque não tinha cílios postiços enormes, pálpebras super marcadas nem contorno.

Já Kate Middleton, como comentei nesse post, foi a noiva mais maquiada da realeza – e foi bastante criticada pela imprensa britânica. Ela usou os olhos pretos com lápis embaixo, que eram sua marca registrada, e muito blush rosa (atualmente, a Duquesa de Cambridge usa uma maquiagem um pouco mais suave, sem o lápis marcado embaixo):

Cheguei a postar essa comparação no Stories, entre o olho com lápis marcado de Kate e o olho esfumado de Meghan. Venceu o de Meghan:

E quando vi essa comparação maravilhosa que fizeram com a foto original e outra mais maquiada (e com a pele bem tratada no Photoshop – criando um efeito hiper liso que só a base não é capaz de fazer!) tive ainda mais certeza de que prefiro a versão mais “natural” de Meghan! rs

Princesa da Europa x Princesa do Oriente Médio

Fotos: Reprodução