Inspirações

Exibindo página 6 de 388
Escolha um modo de visualização

Ana Carolina Marcelo

Ana Carolina e Marcelo trocaram alianças na Igreja Nossa Senhora do Brasil e tiveram uma festa bem animada na Casa Fasano, ambas orquestradas por Vivi Farah.

Os dois se conheceram em um bar. Na ocasião, Ana Carolina foi encontrar uma amiga que não via há muito tempo e, por coincidência, o Marcelo chegou e sentou na mesma mesa que ela estava. Sim, ele era amigo da amiga dela. “No mesmo dia, ele pediu meu telefone e, após semanas de conversas por mensagem de texto, saímos e começamos a namorar“, conta Carol.

O pedido de casamento aconteceu em Orvietto, uma comuna italiana da região da Umbria. “Fizemos essa viagem para participar da celebração religiosa do casamento dos tios dele. A família alugou uma casa em uma das vilas da região onde todos ficaram hospedados. Fomos os primeiros a chegar na casa, um dia antes do casamento. Assim que chegamos, o Marcelo me levou para conhecer a residência e pediu para que sentasse em um banco que ficava no jardim. Como sou desligada, nem imaginei! Sentei e ele logo se sentou ao meu lado. Como estávamos conhecendo o jardim, ele pediu para eu fechar os olhos (ele sempre faz isso para eu experimentar alguma comida, achei que era uma fruta que tinha lá), mas quando abri, ele estava com uma caixa com um anel e me perguntou se eu gostaria de casar com ele! Foi mágico e inesquecível! Fiquei sem reação, não conseguia entender muito bem, uma sensação única…me arrepio só de lembrar! Como o intuito da viagem era o casamento dos tios dele, não quisemos tirar o foco e deixamos para contar só depois da cerimônia religiosa, quando todos estavam reunidos para almoçar. Lá mesmo o padre, Dom Geraldo, já nos abençoou e esteve presente em nosso noivado, que aconteceu em São Paulo um mês depois. No final da nossa lua de mel, nos programamos e combinamos com o Dom Geraldo para nos encontrarmos no mesmo lugar que respondi à melhor pergunta da minha vida”.

Os preparativos se iniciaram um ano antes do casamento. Todas as escolhas foram bem clássicas, mas na hora de escolher o vestido de noiva, Carol resolveu fugir um pouco do óbvio. “Desde o início, queria que meu vestido fosse único…diferente de tudo que já havia visto. Pesquisei diversas referências e comecei a famosa saga de toda noiva, a busca pelo vestido mais importante de nossas vidas. Através de indicações, marquei um horário na WhiteHall. Experimentei diversos modelos, mas a Nanna Martinez (estilista da marca) viu em meus olhos que nenhum me conquistou. Por essa razão, começamos a conversar e com toda a atenção ela foi me conhecendo e entendo como eu sou e o que eu queria. Na hora ela já fez um desenho e eu não tive dúvida que meu vestido estava escolhido”! O modelo escolhido era de tecido liso com uma blusa de tule bordado e um laço assimétrico nas costas. Lindo!

O vídeo do casamento, feito por Vinicius Credidio, ficou incrível e capta bem os melhores momentos da cerimônia e da festa. Vale a pena apertar o play!

Video: Vinicius Credidio | Fotos: Célia Thomé | Assessoria: Vivi Farah | Igreja: Nossa Senhora do Brasil | Espaço: Casa Fasano | Decoração: Decorativa | Flores: André Pedrotti | Móveis: 100% Eventos e Festah | Tapetes: Phenicia Concept | Doces: Isabella Suplicy, Mariza, Piece of Cake e Pati Piva | Bem-casados: Conceição | Vestido de noiva e véu: Nanna Martinez para WhiteHall | Grinalda: Joia que pertenceu a avó da noiva | Cabelo e maquiagem: Liceu de Maquiagem | Sapato: Paula Torres | Convites: Relevo Araújo | Lembrancinhas: Catarina Robles | DJ: Willian Ribeiro | Banda: Double You

Chá de cozinha azul e amarelo

O chá de cozinha da Livia, gerente de branding da Dermage, ficou uma graça! Como também é designer, ela mesma criou a decoração, os arranjos e as lembrancinhas, com identidade visual em azul e amarelo.

Abaixo, Livia nos conta mais sobre sua inspiração e como foi organizar seu próprio chá:

Queria que o chá saísse com o meu estilo, bem romântico e delicado. Acredito que quando a festa é mais intimista, os convidados reparam mais nos detalhes e têm mais tempo para apreciar, isso é super prazeroso para mim. Nas minhas decorações não podem faltar tags personalizadas; quanto mais material gráfico com as iniciais ou nome do evento, mais ele fica com a cara dos donos. Fitinhas e laços (amo uma fita e um laço, por mim colocava em tudo! rs), flores e muuito objeto fofo para decorar. Fui criando um acervo aos poucos, cada vez que eu saía e encontrava um objeto de decorar que combinava, eu comprava! Também pedi para as madrinhas me emprestarem o que tinham em casa que combinasse com o evento, para ter uma pontinha de cada uma ali nesse momento tão especial.

Nem preciso falar que amo a combinação de azul e amarelo, né? Tentei abusar muito das cores nos objetos, nos arranjos e materiais gráficos. Criei as estampas de poá e geométricas para fazer um composição e as utilizei na arte das bandeirinhas, que foram penduradas na parede que mais amo da minha casa, ela tem um jardim vertical de quase 8 metros de extensão e no meio um revestimento branco lindíssimo.

O ambiente não poderia ser mais aconchegante: minha casa! No dia anterior vi que a previsão era de chuva, mas isso não me abalou, corri atrás de um toldo bem clean, onde eu pudesse manter o local da festa na área externa da casa, para integrar mais os convidados.

As lembrancinhas foram mini panelinhas com colherzinha de pau com brigadeiro dentro! Havia também mini potinhos com orégano e na tampa o desenho de uma frigideirinha com um coração imitando um ovo, toda feita de biscuit (esse eu encomendei!)

Ah, e o mimo que fez mais sucesso na festa: as fotos instantâneas! Criei um cantinho com a máquina e uma cestinha cheia de envelopinhos personalizados (ficou muito fofo), e uma madrinha minha ficou responsável por tirar as fotos “estilo polaroid” dos convidados e depois colocar no envelope para eles levarem de recordação! Fez tanto sucesso que os filmes acabaram e tivemos que pedir para entregar mais, todos queriam tirar a foto e levar pra casa!

Também sou apaixonada pela parte de convites. Para meu chá, criei um envelope estilo caixinha listradinho de azul com nossas iniciais (criei um monograma para nosso casamento) e dentro tinha um cartão com o texto e um chá de camomila preso!

Fora isso, minhas madrinhas preparam brincadeiras super divertidas e criativas com o casal, foi muito animado!

cha-de-cozinha-azul-amarelo-livia-abrao-rio-de-janeiro-01

cha-de-cozinha-azul-amarelo-livia-abrao-rio-de-janeiro-02

cha-de-cozinha-azul-amarelo-livia-abrao-rio-de-janeiro-03

cha-de-cozinha-azul-amarelo-livia-abrao-rio-de-janeiro-04

cha-de-cozinha-azul-amarelo-livia-abrao-rio-de-janeiro-05

cha-de-cozinha-azul-amarelo-livia-abrao-rio-de-janeiro-06

cha-de-cozinha-azul-amarelo-livia-abrao-rio-de-janeiro-08

cha-de-cozinha-azul-amarelo-livia-abrao-rio-de-janeiro-09

cha-de-cozinha-azul-amarelo-livia-abrao-rio-de-janeiro-10

Fotos, produção e decoração da própria noiva!