Babies & Kids Casa & Decor 15 anos
de 29/09 a 01/10 de 2017 Casa Petra São Paulo

Casamentos no Rio de Janeiro

Navegue como ou

Casamento no Insólito Hotel: Fran Mackay + Marcio Bogoricin

Quando conheceu Marcio Bogoricin, em Hong Kong, a neozelandesa Fran Mackay nem imaginou que a história daria em casamento. "Eu estava terminando o meu MBA lá e o Marcio estava em um intercâmbio do MBA dele. Ele entrou na sala de aula, sentou ao meu lado e nós começamos a conversar", conta a noiva. Quando completaram três anos de namoro, Marcio fez o pedido de casamento com a incrível paisagem do Rio de Janeiro como pano de fundo. "O Marcio organizou um passeio de helicóptero pelo Rio e, na volta, me pediu em casamento! Eu não conseguia ouvi-lo por causa do barulho do helicóptero, mas eu vi o anel e entendi o que estava acontecendo", se diverte Fran. Os preparativos duraram um ano e, para os noivos, o maior desafio foi conciliar os diferentes conceitos de casamento no Brasil e na Nova Zelândia. "Havia algumas coisas que eu achava muito importantes e o Marcio não, e vice-versa", justifica. No entanto, os dois concordavam que a prioridade era proporcionar a melhor experiência possível aos 220 convidados - a maioria vinda de fora do País. Para isso, o cenário escolhido foi o Insólito Boutique Hotel, em Búzios. "Queríamos casar na praia e ter um final de semana inteiro para curtir com nossos amigos e familiares. Também não queríamos que fosse longe do Rio de Janeiro, para que o acesso fosse fácil para os nossos convidados brasileiros. O Insólito tinha o tamanho perfeito para o nosso casamento, e é um lugar realmente especial!", elogia. Os noivos queriam que a decoração tivesse uma pegada tropical e representasse  bem o Rio de Janeiro. "Por isso, usamos muitas plantas e flores nativas do Brasil. Eu não gosto de rosas, então apostamos em muitas folhagens verdes e...
Leia mais

Casamento no Museu Histórico Nacional: Karina Lerner + Lucas Fernandes

A história de Karina Lerner e Lucas Fernandes começou com o casamento de dois grandes amigos. "Nos conhecemos melhor no chá bar de uma grande amiga minha e um grande amigo dele. Nós dois seríamos padrinhos desse casal e já sabíamos que entraríamos juntos na Igreja. O pedido de namoro aconteceu no dia do casamento, um mês depois do nosso primeiro beijo", relembra Karina. Menos de um ano depois, Lucas fez o pedido de casamento. "Fizemos uma viagem para a Ásia e o último destino foi Dubai. O Lucas comprou o anel da Cartier lá, ligou para os meus pais e fez o pedido durante um jantar no Burj Al Arab", conta. Karina e Lucas fizeram questão de aproveitar a "fase noivos". Por isso, os preparativos duraram um ano e três meses e tiveram assessoria de Thaïs de Carvalho Dias. Para receber os 800 convidados, o casal escolheu o Museu Histórico Nacional, no Rio de Janeiro. "Como não queríamos casar na Igreja, optamos por fazer tudo no Museu. A cerimônia foi em um pátio, e a festa aconteceu no pátio ao lado". Inspirada na floresta amazônica, a decoração teve paleta de cores vibrante, com tons de rosa, verde, amarelo e roxo. "Queria muitas bromélias, orquídeas das mais variadas espécies, lírios e muito verde", explica. O menu do casamento teve assinatura de Ecila Antunes. "Servimos buffet americano com ilhas gastronômicas espalhadas pela festa. Foie gras, caviar, pata negra e trouxinha de queijo brie foram os destaques do cardápio. Também tivemos lanchinhos da madrugada, com opções como mini-hamburger e milkshake, que fizeram muito sucesso!", elogia Karina. A Help Bar cuidou do bar do casamento e, além dos drinks tradicionais, comandou também uma estação de whisky - a bebida favorita do noivo. Para fazer o vestido de noiva, Karina veio para São Paulo e visitou diversos estilistas. "Pesquisei...
Leia mais

Casamento ao ar livre: Maíra Rodrigues + Bruno Calvano

Quando se conheceram no casamento de um amigo em comum, Maíra Rodrigues e Bruno Calvano não imaginavam que a história dos dois também renderia um "sim" especial! "No final de 2014, minha irmã gêmea, Angélica, foi convidada para o casamento de um amigo. Faltando pouco menos de duas horas para a cerimônia, o noivo dela teve um contratempo e não pôde ir. Ela me ligou em cima da hora, pedindo companhia, mas eu não estava em casa e não tinha roupas adequadas comigo. Demos um jeito e, na festa, conheci o Bruno. Trocamos telefones aquele dia e começamos a conversar até marcarmos um encontro. E, depois do primeiro beijo, nunca mais nos desgrudamos!", relembra Maíra. Em fevereiro do ano seguinte, Maíra e Bruno estavam namorando. E, alguns meses depois, já dividiam a mesma casa. "Nunca houve um pedido de casamento oficial. Quando estávamos juntos há pouco mais de um ano, decidimos que queríamos celebrar a nova fase", explica. No entanto, na semana do casamento, Bruno decidiu surpreender a noiva com um presente especial. "Ele comprou o anel e, quando acordei no Dia dos Namorados, ele veio com a Lena, nossa cachorrinha, no colo, segurando a caixinha, e fez o pedido!", conta.   Maíra queria que o casamento fosse uma festa despojada, em um lugar acolhedor e que fosse a cara do Rio de Janeiro. "Encontrei tudo isso no Solar Real, um casarão antigo com uma vista de tirar o fôlego. Além disso, fica em Santa Teresa, um dos bairros que eu e o Bruno adoramos por unir beleza e simplicidade", justifica a noiva. Para assinar a decoração, o casal não teve dúvidas e escolheu Renata Paraíso. "Depois de conhecer o...
Leia mais

Casamento no Rio de Janeiro: Laura Borges + Rafael Firmo

Laura Borges e Rafael Firmo se conheceram na faculdade, e logo começaram a sair. "Mas terminamos e só voltamos a ficar juntos depois de formados. Namoramos por quatro anos", conta Laura. Para o pedido de casamento, Rafael levou a futura noiva para um jantar especial no Hotel Santa Teresa, no Rio de Janeiro. "Já tinha até um quarto reservado para passarmos a noite!", relembra. Com apenas oito meses para organizar o casamento, Laura contou com a assessoria de Roberto Cohen e a ajuda da mãe e da sogra. Para a cerimônia, os noivos escolheram a Paróquia São Bento. "Foi onde meu pai, meu sogro e o Rafael estudaram. Além de ser linda, a Paróquia envolve muita história para eles, que são bastante católicos", explica. Como sempre quis um casamento em meio à natureza, Laura optou por fazer a festa ao ar livre. A decoração seguiu o estilo rústico-chic, como os noivos pediram, com cartela de cores em tons quentes. Objetiva e decidida, Laura não teve dificuldades para escolher o vestido de noiva. "Foi na primeira loja que visitei, o terceiro vestido que provei!", conta. Laura optou por um modelo liso com decote tomara que caia, da Pronovias. "Escolhi o penteado na semana do casamento! Eu já tinha uma noção do queria, e optei pelo coque baixo. Para finalizar, usei a grinalda com que minha mãe casou", conta. Para que os convidados pudessem aproveitar ao máximo a festa ao ar livre, a cerimônia aconteceu às 14h30. A cartela de cores da decoração da festa teve tons como laranja, amarelo e rosa. O verde ganhou destaque e marcou presença não apenas nos arranjos, como também na decoração aérea. Lustres de corda, sousplats de rattan e vasos de barro deram o toque rústico que os noivos queriam. Ecila Antunes assinou o menu do casamento, que teve coquetel com opções quentes e...
Leia mais

Casamento no Insólito: Christina Gruni + Paulo Ferreira Pinto

Christina Gruni e Paulo Ferreira Pinto se conheceram em um barzinho, no Leblon, no Rio de Janeiro. "O Paulo pegou meu celular com a minha amiga, e logo começamos a namorar. No entanto, acabamos terminando e só nos reencontramos seis anos depois. Foi mágico! Os dois sentiram que era dali para sempre!", conta Christina. Para fazer o pedido de casamento, Paulo elaborou um plano e surpreendeu a então futura noiva. "O Paulo foi buscar um vestido meu no shopping e escondeu a semi-aliança no vestido. Quando fui pegar para prová-lo, ele estava de joelhos com as alianças na mão! Foi muito lindo", conta. Como amam praia, Christina e Paulo decidiram dizer o "sim" em Búzios. "Quando conhecemos o Insólito Boutique Hotel, não tivemos dúvida! Foi um sonho se materializando". Amiga de Christina desde o colégio, Dani Lanna foi a responsável o vestido de noiva. "Sempre quis um modelo leve, que combinasse com praia, e que não fosse branco", explica. Em off-white, o modelo era frente-única, com bordados na blusa e no quadril. O penteado lateral complementou o visual da noiva, mantendo o ar despojado do look. A decoração seguiu o estilo praiano, com madeira, rattan e o azul como destaque. Em tons vibrantes, o projeto floral complementou o conceito. Fotos: Salamonde | Assessoria: Babi Craveiro | Espaço, buffet e bar: Insólito Boutique Hotel | Decoração: Ana Flor Design Floral | Iluminação: Two Lights | Vestido de noiva: Dani Lanna | Cabelo e maquiagem: Juliana...
Leia mais

Destination wedding no Parque Lage: Amy Terry + Basil Mavroleon

Imagino que muitos de vocês tenham visto as fotos que rolaram no Instagram nesse fim de semana, do casamento de Amy Terry e Basil Mavroleon. Eu estou até agora passada com tudo!! Quando estava no Rio Grande do Sul para as gravações do programa do Luciano Huck com o Roberto Cohen, ele comentou comigo sobre esse casamento que estava organizando... que os noivos moravam em Londres e haviam escolhido o Rio de Janeiro, que seriam 3 dias de festa, que viria muita gente importante do mundo inteiro e ficaria no Hotel Fasano, que teria um welcome na praia na quinta, que a festa do casamento mesmo seria no Parque Lage (e que este não receberia cobertura) na sexta, que no dia seguinte haveria uma festa em uma mansão... Ou seja, muitas pistas de que vinha coisa boa por aí! Mas não tinha como imaginar que seria tão incrível assim! Foi um casamento grandioso sem exageros, tradicional com toque fashionista, um mix do chic britânico com a bossa carioca.  Vamos começar pelo vestido de noiva? Assinado por Giambattista Valli, o modelo era imponente pelo volume da saia e comprimento da cauda, mas extremamente leve pelo movimento do tecido (que parece ser mousseline). Na verdade, era um vestido clean de decote ombro-a-ombro com um toque fashionista: as mangas bufantes! (clica aqui para ver o post sobre mangas bufantes!) Para complementar o look leve, um véu liso, que na entrada cobriu o rosto da noiva (e ficou lindo!), e uma beleza discreta (make natural + coque baixo com flores brancas). O bouquet era de flores brancas e de tamanho pequeno. Vamos falar sobre a...
Leia mais

Casamento no Rio de Janeiro: Barbara Paes + Bruno Santos

Bruno Santos gosta de dizer que Barbara Paes foi seu presente de aniversário. "Eu estava em uma fase mais caseira, mas duas amigas insistiram muito para que eu saísse com elas. Mesmo sem muita animação, decidi aceitar o convite e fomos para a festa de uns amigos que elas haviam acabado de conhecer. Era o aniversário do Bruno e nos conhecemos esse dia!", conta Barbara. No dia em que completaram três anos de namoro, Bruno fez o pedido de casamento. "Ele adora cozinhar, e preparou sozinho o jantar de comemoração. Quando acabamos de comer, ele pegou o anel e fez o tão esperado pedido!", relembra. Casar sempre foi um sonho para Barbara. "Quando eu era pequena, morava no interior de Minas Gerais, e meu pai sempre me levava na porta da Igreja para ver as noivas entrarem. Eu ficava encantada, com os olhinhos brilhando! Então, quando chegou a minha vez, já sabia tudo o que eu queria e acabou sendo fácil organizar a festa. A primeira coisa que fiz foi procurar o Roberto Cohen e a Eugênia Guerrera, que cuidaram da assessoria e da decoração, respectivamente", explica. A cerimônia aconteceu à noite e ao ar livre, como a noiva sempre quis. Para a decoração da festa, Barbara quis flores em tons suaves de rosa e branco, além de velas e móveis espelhados. O vestido de noiva ficou por conta de Carol Hungria, que transformou o desejo de Barbara em realidade. "Queria um vestido de renda, com mangas, que marcasse a cintura, mas não fosse muito 'princesa'. Nas costas, um decote bem grande, em V, e cauda removível. Mostrei minhas referências para a Carol e, como mágica, ela desenhou o modelo em alguns minutos. Ficou perfeito, exatamente como imaginei", elogia. O vídeo...
Leia mais

Casamento no Rio de Janeiro: Maria Helena Pessôa de Queiroz + Bruno Campos

Maria Helena Pessôa de Queiroz e Bruno Campos se conheceram em 2005, mas demoraram oito anos para ficar juntos! "Em 2007, saímos uma vez. Acabou que eu estava sempre namorando e os anos foram passando... Em 2013, eu estava solteira e nos reencontramos em plena sexta-feira de Carnaval. Em poucos dias, já estávamos namorando e, em um mês, tínhamos planos de fazer o mestrado juntos nos Estados Unidos", relembra Maria Helena. Com nove meses de namoro, Bruno fez o pedido de casamento. "Ele já estava morando fora e veio ao Brasil durante o thanksgiving. À noite, na minha casa, ele, que é super estudioso, puxou um livro e disse que ia estudar. Fiquei perplexa e, sem saber o que dizer, ele veio com o livro, me abraçou e disse 'não fica assim, quando é que a gente vai casar, hein?'. Eu respondi 'não sei, né?'. Nisso, ele puxou de dentro do livro a caixa com o anel! Foi muito especial, pois ele sabia que, quando esse dia chegasse, eu queria que fosse sem plateia, só entre nós dois", conta. Maria Helena sempre quis casar de dia. "Primeiro porque acho alegre e a luz natural é linda. Mas também porque eu queria que a festa durasse bastante tempo. Então, nem pensei duas vezes: marquei a cerimônia religiosa para meio-dia", explica. Maria Helena já estava morando nos Estados Unidos durante os preparativos, que duraram um ano e quatro meses. E para ajudar na organização da festa, os noivos contaram com a assessoria de Roberto Cohen. "Sou super centralizadora e sempre soube muito bem o que queria. Mesmo a distância, não houve qualquer item do casamento que eu não tenha escolhido. Mas foi crucial ter...
Leia mais

Casamento na Confeitaria Colombo: Natalia Amaral + Tiago Freire

Natalia Amaral e Tiago Freire se conheceram no trabalho. "Nós dois entramos como estagiários da empresa, ficamos amigos e, ao longo dessa amizade, nasceu o amor!", conta Natalia. Foram quatro anos de namoro até o casamento, e o pedido aconteceu durante uma viagem super romântica. "Eu comprei a viagem para dar de presente de aniversário para ele, mas quem acabou surpreendida fui eu", conta a noiva. Natalia é católica e sempre sonhou em casar na Igreja, em uma cerimônia tradicional. "Escolhemos a Igreja de São José, que é o santo padroeiro das nossas famílias", explica. A festa para 250 convidados aconteceu na Confeitaria Colombo, o único local que os noivos visitaram antes de fechar o espaço. "Eu e o Tiago imaginamos um lugar clássico e tradicional, e a Confeitaria Colombo representava exatamente o que queríamos", comenta. Para a decoração, os noivos mantiveram o estilo clássico e escolheram apenas flores brancas da estação, que complementaram a ambientação da própria Confeitaria. Escolher o vestido de noiva não foi um grande desafio para Natalia. "Sempre tive a estilista Marie Lafayette na cabeça, já que algumas amigas minhas já haviam feito o vestido com ela. Então, fui direto no atelier dela e, já na segunda visita,  me apaixonei de cara por um modelo que estava exposto no manequim. Experimentei, e não tive dúvidas que seria ele", relembra. O vestido escolhido por Natalia tinha blusa rendada e saia volumosa com aplicações de renda. A beleza ficou por conta de G Junior, que fez uma maquiagem bronze e coque clássico, finalizado com acessório da Casa Vasconcellos. Super romântico e emocionante, o vídeo da Oui Filmes mostra todos os detalhes do grande dia: https://vimeo.com/194047027 Vídeo: Oui Filmes | Assessoria: Thais Carvalho Dias | Espaço, buffet, bar e bolo: Confeitaria Colombo | Decoração: Alessandra Siciliano | Doces: Confeitaria Colombo e Sweeteria...
Leia mais

Casamento em Búzios: Paula Kall + Klezer Gaspar

Paula Kall e Klezer Gaspar se conheceram na escola, em 2002. Mas a história deles só começou 12 anos depois, quando se reencontraram em uma festa julina para ex-alunos do colégio. "Ficamos por pouco mais de um mês, e já começamos a namorar - eu morando em São Paulo e ele, no Rio de Janeiro. Foi um ano a distância, e aí ele decidiu vir morar comigo", conta Paula.  Após dois anos juntos, Klezer fez o pedido de casamento em Paris! "Estávamos de viagem marcada para a Europa com alguns amigos. Mas, antes, fiz questão de passar dois dias em Paris, porque ainda não conhecia a cidade. Fomos só nos dois e, depois de subirmos a Torre Eiffel (com chuva, rs!), paramos em um café ali perto e o pedido aconteceu! Um fato cômico é que o Klezer não conseguia passar pelo raio-x da Torre, porque sempre apitava! Ele achou que era o anel, mas, quando tirou o cinto, finalmente passou!", se diverte a noiva. Paula e Klezer queriam um casamento na praia, em um lugar que fosse de fácil acesso e que os fizesse se sentir em casa. E como cresceram indo a Búzios com frequência, não houve muitas dúvidas na hora de decidir! Foram 11 meses de preparativos, tudo a distância, já que os noivos moram em São Paulo. "Nossas mães ajudaram bastante na logística de entrega dos convites, burocracias e detalhes", comenta. Para a decoração, os noivos escolheram Renata Paraíso. "Quando vi o trabalho dela, fiquei impressionada! A Renata conseguiu tornar real um estilo rústico e boho como eu ainda não havia visto outra decoradora fazer! Me apaixonei na hora pelos móveis que ela usa, pela mistura de objetos, estampas e...
Leia mais