Babies & Kids Casa & Decor 15 anos
de 29/09 a 01/10 de 2017 Casa Petra São Paulo

Casamentos Reais

Navegue como ou

Casamento em Ribeirão Preto: Andrea Belezini + Igor Gomides

Andrea Belezini e Igor Gomides sempre moraram na mesma cidade, por isso, se conheciam de vista. "Estudávamos na mesma escola e começamos a ficar durante o colegial. Namoramos por nove anos", conta Andrea. Na virada de 2014 para 2015, em Jericoacoara, aconteceu o pedido de casamento. "Quando começaram os fogos de artifício, ele começou a me desejar 'Feliz Ano Novo' e, de repente, ele falou 'quero ficar com você pra sempre, casa comigo?'. Eu nem me dei conta de que era um pedido oficial e continuei vendo os fogos. E quando olhei para ele, ele estava com a caixinha do anel!", relembra. O casamento para 370 convidados aconteceu em Ribeirão Preto, na Casa de Campo, um espaço rodeado por natureza - como Andrea sempre quis! Como é arquiteta, a noiva cuidou dos mínimos detalhes da decoração. "Sou super moderna, mas, para o casamento, quis uns toques clássicos", explica. A princípio, Andrea queria uma cerimônia ao ar livre, mas acabou se apaixonando pela capela do local. "Achei que ficaria mais emocionante lá! Além disso, não tinha risco de imprevistos por causa de chuva, que era uma preocupação muito grande", justifica. O vestido de noiva de Andrea teve assinatura de Nanna Martinez para Whitehall. "Eu não sabia exatamente o que queria, mas quando fui na Whitehall, resolvi tudo praticamente na primeira conversa com a Nanna!", elogia. O resultado final foi um modelo sem mangas, com lindos bordados e saia em cascata na parte de trás. "Nunca fiz questão de véu, mas acabei escolhendo um bem clean com acabamento em cetim, para não interferir no vestido", conta. A beleza da noiva teve penteado meio-preso, finalizado com arranjo de flores de tecido, também da Whitehall. As cadeiras medalhão e o projeto floral em verde e branco com pinceladas de rosa claro garantiram o ar clássico da...
Leia mais

Casamento em São Paulo: Juliana Ferraz + Bruno Garms

Não poderia existir hashtag mais perfeita para o "sim" de Juliana Ferraz e Bruno Garms do que #CasamentoEletriko. Afinal, os noivos adoram festa e também trabalham no mercado de eventos - ela é diretora comercial e de marketing da empresa de cenografia M/Checon, enquanto ele é fundador da Abracadabra, agência especializada em experiências e entretenimento. Além disso, Ju é muito alto-astal, então não tinha como a festa não ser super animada e quase literalmente "elétrica" - foram dois shows, um deles de Preta Gil, e cinco DJs! Nós estamos muito felizes de poder compartilhar o casamento deles tão rápido - o "sim" aconteceu no último sábado! Mas, antes de falar dos detalhes, sempre tem espaço para contarmos um pouquinho da história dos noivos! Bruno é melhor amigo do melhor amigo de Ju, e foi assim que eles se conheceram, há quatro anos. "Sempre nos encontrávamos, mas nunca rolava aquela conexão. Até que, há um ano, fomos ao casamento de amigos em comum, em que éramos os únicos solteiros da festa - eu havia sofrido uma decepção amorosa e ele também. Acabamos ficando e nunca mais nos separamos!", relembra Ju. Com meses de namoro, os dois decidiram ficar noivos. E quando estavam planejando o noivado, Bruno surpreendeu Ju com uma mudança de planos. "O casamento era, na verdade, a festa de noivado. No meio dos preparativos, ele me surpreendeu e disse 'já que ninguém fica noivo pensando em não casar, vamos casar já!'. Fiquei muda e super emocionada!", se diverte a noiva. Depois da reviravolta, o casal teve apenas quatro meses para organizar o casamento, com a assessoria da She Said Jazz. "Posso dizer que saí do casamento com grandes amigas! Por trabalhar com eventos,...
Leia mais

Casamento em Minas Gerais: Barbara Dutra + Henrique Chaves

Uma reunião de trabalho foi o que uniu Barbara Dutra e Henrique Chaves. Quando completaram cinco anos de namoro, os dois decidiram morar juntos. E logo aconteceu o pedido de casamento. "Como sempre trabalhamos no Carnaval de Belo Horizonte, costumamos programar uma viagem para descansar depois. Em 2016, decidimos ir para Caraíva. Henrique tinha tudo planejado, encomendou um anel de esmeralda com carinha de joia antiga. Mas lá, passamos dias rodeados por uma turma com um astral maravilhoso. Consequência: Henrique ficou dias com o anel no bolso, mas não conseguia o momento perfeito para fazer o pedido! No último dia, ele me chamou para dar um mergulho no rio e para ver o pôr do sol. Estávamos sozinhos, dizendo o quanto gostávamos um do outro e ele me pediu! Foi o momento perfeito!", conta a noiva. Apesar de ser fotógrafa de casamento, Barbara nunca sonhou com seu próprio grande dia. "Me realizo muito em participar de momentos tão especiais e de fazer parte da história de muitos clientes que se tornaram amigos. Mas, se fosse para casar, queria um grande banquete ao ar livre, de dia, em uma fazenda e debaixo de uma árvore", explica. E a Fazenda Jagoara Velha, em Matozinhos, em Minas Gerais, se revelou o cenário perfeito para receber os 300 convidados. "Em 2013, depois de passar um final de semana na Fazenda Jagoara com os pais, o Henrique me mandou uma foto e disse 'já decidi onde nos casaremos'. Eu me apaixonei pelo lugar, que é histórico e abriga a Igreja de Nossa Senhora da Conceição da Jagoara, que tem projeto arquitetônico e decoração de Aleijadinho", explica. Os noivos adoram o estilo rústico, que...
Leia mais

Casamento em São Paulo: Maily Ferraresi + Gustavo Maia Coelho

Maily Ferraresi e Gustavo Maia Coelho se conheceram em uma festa na praia, em novembro de 2012. "O Gustavo tinha acabado de voltar para o Brasil, depois de muitos anos morando em Los Angeles. Ficamos trocando olhares por um tempo, até que ele veio conversar comigo. Trocamos telefones e, logo, começamos a sair e a namorar", conta Maily. Para tornar o pedido de casamento ainda mais especial, Gustavo escolheu fazê-lo durante uma viagem às Bahamas. "Estávamos jantando, quando ele ajoelhou na minha frente e fez o pedido! O mais lindo foi saber o cuidado na escolha do anel de noivado. O Gustavo queria um modelo específico que só era vendido fora do Brasil, então fez a encomenda à distância, seis meses antes. Durante a viagem, ele deu um jeito de escapar do hotel e foi até a joalheria pegar o anel!". Para receber os 280 convidados, os noivos escolheram o Iate Clube de Santos, em São Paulo. "Em 2015, fomos a uma festa lá e, quando entramos no local, ficamos boquiabertos com a beleza do espaço! Tudo nos encantou e até comentamos que nosso casamento só poderia ser lá", explica. A decoração seguiu o estilo clássico, com projeto floral em verde e branco e peças de prata e cristal. Como já tinha uma ideia do que queria, Maily não teve dificuldades para escolher o vestido de noiva. Assinado por Isabella Narchi, o modelo clássico tinha mangas longas, decote ombro a ombro e aplicações de renda. "Fiz questão de um véu longo para cobrir toda a escadaria da cerimônia", conta Maily. A beleza da noiva teve assinatura de Erick Santos, que apostou em maquiagem iluminada e coque clássico finalizado com mini-pérolas. Todo em branco e com monograma em relevo, o convite da Papel e Estilo seguiu o estilo...
Leia mais

Casamento clássico: Esther Collet + Mateus Biselli

Esther Collet e Mateus Biselli se conheceram em 2009, durante um luau na Riviera de São Lourenço. Foram oito anos de namoro e o pedido de casamento teve um significado ainda mais especial. "Foi depois de um jantar no dia que seria o aniversário do meu pai, que havia falecido há pouco mais de um mês. O Mateus quis fazer uma homenagem a ele. O pedido aconteceu em frente a uma de nossas vistas favoritas de São Paulo, a noite estava linda e iluminada! Fiquei em choque com o anel de noivado, que era da avó dele", conta Esther. Os preparativos duraram quase um ano e meio, e a assessoria ficou por conta da Entrevento. "A Adriana, da Entrevento, foi essencial e nos ajudou muito! Ela entendeu bem o nosso gosto e confiamos demais nela! Resultado: foi tudo a nossa cara!", conta Esther. Os noivos queriam que a cerimônia acontecesse em uma Igreja acolhedora e não tão grande. "Como sou muito devota de São José, escolhemos a Igreja São José do Jardim Europa", explica. A festa para 310 convidados teve a Villa Jockey como cenário. "Sempre imaginei um espaço que tivesse uma vista linda. Por isso, quando entramos na Villa Jockey e vimos aquela skyline, já estava decidido! Também gosto muito daquela entrada com pé direito alto e janelas amplas de vidro", justifica. Esther e Mateus imaginaram uma decoração clássica, e escolheram Mariana Bassi para assinar o projeto. "Prima-irmã" de Luciana Collet, Esther sempre quis que a estilista (que também foi sua madrinha) desenhasse o vestido de noiva. "Eu e a Lu conversamos por meses até chegarmos no meu vestido dos sonhos. Mudei de ideia muitas vezes, mas, quando comecei a imaginar o modelo da forma como ficou, não tive mais dúvidas! Adicionamos bordados de margaridinhas brancas ao longo...
Leia mais

Casamento em Campos do Jordão: Stefanie Försterling + Edmauro de Camargo

Stefanie Försterling e Edmauro de Camargo se conheceram em 2005, durante a temporada de inverno de Campos do Jordão. Juntos há mais de 10 anos, os dois já pensavam em casamento. "Moramos e trabalhamos juntos, e a vontade de oficializar a união já existia há tempos. Então, no meu aniversário, aconteceu o pedido de casamento!", conta Stefanie. Os noivos escolheram dizer o "sim" em Campos do Jordão, e os preparativos duraram apenas sete meses. Com 100 convidados, o casamento seguiu o estilo intimista, que era uma das prioridades de Stefanie e Edmauro. "Não queríamos que houvesse deslocamento entre a cerimônia e a festa. Por isso, optamos por fazer tudo no mesmo local, o que contribuiu para que o clima fosse ainda mais aconchegante", explica a noiva. Para a decoração, o casal quis um conceito clássico-campestre, que teve assinatura da Petit Decorações. Stefanie queria um vestido de noiva confortável, em que "pudesse dançar muito sem se preocupar". E o escolhido foi um modelo de renda de algodão, assinado por Yolan Cris para Casamarela. "Queria uma beleza natural, então optei por um penteado meio-preso com véu para a cerimônia. Também usei um arranjo de cabeça com flores de organza e pérolas de água doce. Para a festa, escolhi um coque baixo desconstruído, o que me deu muita liberdade de movimento!", conta. Após a cerimônia em espaço aberto, os convidados foram recebidos em um aconchegante chalé. "Escolhemos a decoração em verde e branco, com detalhes em madeira", comenta Stefanie. Fotos: 8mm | Assessoria: Suzan Santiago Assessoria e Cerimonial | Espaço: Chateau La Villette | Coral e orquestra: Coral Del Chiaro | Decoração, flores e móveis: Petit Decorações | Buffet e bar: Le Foyer | Bolo: Sans Souci Bistrô | Doces: Sans Souci Bistrô...
Leia mais

Casamento no Insólito Hotel: Fran Mackay + Marcio Bogoricin

Quando conheceu Marcio Bogoricin, em Hong Kong, a neozelandesa Fran Mackay nem imaginou que a história daria em casamento. "Eu estava terminando o meu MBA lá e o Marcio estava em um intercâmbio do MBA dele. Ele entrou na sala de aula, sentou ao meu lado e nós começamos a conversar", conta a noiva. Quando completaram três anos de namoro, Marcio fez o pedido de casamento com a incrível paisagem do Rio de Janeiro como pano de fundo. "O Marcio organizou um passeio de helicóptero pelo Rio e, na volta, me pediu em casamento! Eu não conseguia ouvi-lo por causa do barulho do helicóptero, mas eu vi o anel e entendi o que estava acontecendo", se diverte Fran. Os preparativos duraram um ano e, para os noivos, o maior desafio foi conciliar os diferentes conceitos de casamento no Brasil e na Nova Zelândia. "Havia algumas coisas que eu achava muito importantes e o Marcio não, e vice-versa", justifica. No entanto, os dois concordavam que a prioridade era proporcionar a melhor experiência possível aos 220 convidados - a maioria vinda de fora do País. Para isso, o cenário escolhido foi o Insólito Boutique Hotel, em Búzios. "Queríamos casar na praia e ter um final de semana inteiro para curtir com nossos amigos e familiares. Também não queríamos que fosse longe do Rio de Janeiro, para que o acesso fosse fácil para os nossos convidados brasileiros. O Insólito tinha o tamanho perfeito para o nosso casamento, e é um lugar realmente especial!", elogia. Os noivos queriam que a decoração tivesse uma pegada tropical e representasse  bem o Rio de Janeiro. "Por isso, usamos muitas plantas e flores nativas do Brasil. Eu não gosto de rosas, então apostamos em muitas folhagens verdes e...
Leia mais

Casamento no Museu Histórico Nacional: Karina Lerner + Lucas Fernandes

A história de Karina Lerner e Lucas Fernandes começou com o casamento de dois grandes amigos. "Nos conhecemos melhor no chá bar de uma grande amiga minha e um grande amigo dele. Nós dois seríamos padrinhos desse casal e já sabíamos que entraríamos juntos na Igreja. O pedido de namoro aconteceu no dia do casamento, um mês depois do nosso primeiro beijo", relembra Karina. Menos de um ano depois, Lucas fez o pedido de casamento. "Fizemos uma viagem para a Ásia e o último destino foi Dubai. O Lucas comprou o anel da Cartier lá, ligou para os meus pais e fez o pedido durante um jantar no Burj Al Arab", conta. Karina e Lucas fizeram questão de aproveitar a "fase noivos". Por isso, os preparativos duraram um ano e três meses e tiveram assessoria de Thaïs de Carvalho Dias. Para receber os 800 convidados, o casal escolheu o Museu Histórico Nacional, no Rio de Janeiro. "Como não queríamos casar na Igreja, optamos por fazer tudo no Museu. A cerimônia foi em um pátio, e a festa aconteceu no pátio ao lado". Inspirada na floresta amazônica, a decoração teve paleta de cores vibrante, com tons de rosa, verde, amarelo e roxo. "Queria muitas bromélias, orquídeas das mais variadas espécies, lírios e muito verde", explica. O menu do casamento teve assinatura de Ecila Antunes. "Servimos buffet americano com ilhas gastronômicas espalhadas pela festa. Foie gras, caviar, pata negra e trouxinha de queijo brie foram os destaques do cardápio. Também tivemos lanchinhos da madrugada, com opções como mini-hamburger e milkshake, que fizeram muito sucesso!", elogia Karina. A Help Bar cuidou do bar do casamento e, além dos drinks tradicionais, comandou também uma estação de whisky - a bebida favorita do noivo. Para fazer o vestido de noiva, Karina veio para São Paulo e visitou diversos estilistas. "Pesquisei...
Leia mais

Casamento na fazenda: Sara + Bruno

Sara e Bruno sempre sonharam com um casamento despretensioso, entre familiares e amigos próximos. Como os pais da noiva são italianos, o casal decidiu seguir a essência europeia do "keep it simple" e dizer o "sim" na fazenda da família, que estava sendo construída quando o pedido de casamento aconteceu. E para organizar os preparativos, os noivos contaram com a ajuda da Toda de Branco. A cerimônia aconteceu ao ar livre, com a charmosa capela como pano de fundo do altar. André Pedrotti cuidou não apenas do projeto floral, como também da decoração, que teve amarelo, verde, branco e pinceladas de rosa claro. Para aproveitar a paisagem que a fazenda oferece, a pista de dança foi montada em um deck com uma vista incrível! A gastronomia era outra prioridade de Sara e Bruno. O menu do casamento teve assinatura da Buffet Zest, que preparou delícias para agradar tanto os brasileiros, quanto os italianos. Para garantir a leveza que queria para o grande dia, Sara procurou Emannuelle Junqueira. Com mangas longas e decote nas costas, o modelo era todo coberto por delicados bordados. Penteado meio-preso lateral foi a escolha de Sara para a cerimônia, e deu mais um toque romântico ao look da noiva. Lindo e emocionante, o vídeo da 4GP Cinema Wedding mostra mais detalhes do casamento: https://vimeo.com/196616686 Vídeo: 4GP Cinema Wedding | Assessoria: Toda de Branco | Espaço: fazenda da família | Decoração e projeto floral: André Pedrotti | Cobertura: Party Coberturas | Buffet: Buffet Zest | Bar: Help Bar | Vestido de noiva: Emannuelle...
Leia mais

Casamento em Alagoas: Maria Teresa Fornea + Guilherme Caron

Em outubro de 2016, publicamos o casamento de Ramona e Mauricio, que foi o primeiro realizado na Capela dos Milagres, em Alagoas. E hoje, compartilhamos os detalhes do "sim" de Maria Teresa Fornea e Guilherme Caron, que também aconteceu lá. "Milagres é um lugar lindo! Queríamos casar lá desde que conhecemos o lugar,  no nosso primeiro ano novo juntos, de 2010 para 2011", explica Maria Teresa. Foram oito meses intensos de preparativos, e a assessoria ficou por conta da She Said Jazz. "Optei por estar à frente das negociações, mas sempre com as meninas da She Said Jazz me aconselhando e ajudando", comenta Maria Teresa. O maior desafio da organização foi a logística. "Milagres é um lugar longe e tudo tem que sair de Maceió. Não dá para ver de perto tudo o que estamos contratando, e isso dá uma certa insegurança. Mas, no final, deu tudo certo e todos arrasaram!", comemora. A cerimônia aconteceu às 16h30, para que o "sim" tivesse o pôr do sol como cenário (apesar de ser um espaço fechado, a Capela dos Milagres conta com amplas janelas, que oferecem uma linda vista!). A festa para 230 convidados aconteceu ao ar livre, no espaço ao lado da Igreja. "É uma facilidade e tanto, já que os convidados não precisam se preocupar com a locomoção. E, como o lugar é bem em frente à praia, é claro que a festa acabou na beira do mar!", conta. Para desenhar o vestido de noiva, Maria Teresa convocou Helo Rocha. O resultado foi um um modelo com bordados botânicos e transparência na saia. Véu de tule point d'esprit, penteado meio-preso despojado e brincos de Carol Bassi complementaram o look da noiva. Maria Teresa queria um "casamento de praia com 'cara de praia'". Por isso, fez questão de flores...
Leia mais