Babies & Kids Casa & Decor 15 anos
de 29/09 a 01/10 de 2017 Casa Petra São Paulo

Casamentos Reais

Navegue como ou

Casamento em Alagoas: Maria Teresa Fornea + Guilherme Caron

Em outubro de 2016, publicamos o casamento de Ramona e Mauricio, que foi o primeiro realizado na Capela dos Milagres, em Alagoas. E hoje, compartilhamos os detalhes do "sim" de Maria Teresa Fornea e Guilherme Caron, que também aconteceu lá. "Milagres é um lugar lindo! Queríamos casar lá desde que conhecemos o lugar,  no nosso primeiro ano novo juntos, de 2010 para 2011", explica Maria Teresa. Foram oito meses intensos de preparativos, e a assessoria ficou por conta da She Said Jazz. "Optei por estar à frente das negociações, mas sempre com as meninas da She Said Jazz me aconselhando e ajudando", comenta Maria Teresa. O maior desafio da organização foi a logística. "Milagres é um lugar longe e tudo tem que sair de Maceió. Não dá para ver de perto tudo o que estamos contratando, e isso dá uma certa insegurança. Mas, no final, deu tudo certo e todos arrasaram!", comemora. A cerimônia aconteceu às 16h30, para que o "sim" tivesse o pôr do sol como cenário (apesar de ser um espaço fechado, a Capela dos Milagres conta com amplas janelas, que oferecem uma linda vista!). A festa para 230 convidados aconteceu ao ar livre, no espaço ao lado da Igreja. "É uma facilidade e tanto, já que os convidados não precisam se preocupar com a locomoção. E, como o lugar é bem em frente à praia, é claro que a festa acabou na beira do mar!", conta. Para desenhar o vestido de noiva, Maria Teresa convocou Helo Rocha. O resultado foi um um modelo com bordados botânicos e transparência na saia. Véu de tule point d'esprit, penteado meio-preso despojado e brincos de Carol Bassi complementaram o look da noiva. Maria Teresa queria um "casamento de praia com 'cara de praia'". Por isso, fez questão de flores...
Leia mais

Casamento na Fazenda Santa Bárbara: Natasha Bernardo + Ricardo Salomão

Foram os amigos em comum de Natasha Bernardo e Ricardo Salomão que fizeram questão de que os dois se conhecessem. "Foi um encontro marcado justamente para apresentar os solteiros. Saímos por nove meses até começarmos a namorar", explica Natasha. Até o pedido de casamento, foram três de namoro. E o mais surpreendente é que Ricardo guardou o anel por nove meses até encontrar o momento perfeito! "Era meu aniversário e eu não tinha organizado nada para comemorar. Então, ele pediu que eu fizesse uma malinha sem saber para onde iríamos. Fomos para Ilhabela e, no segundo dia, após o jantar, chegamos no quarto e a cama estava coberta por pétalas de rosa, com uma garrafa de champagne e o anel! Fiquei chocada por alguns minutos antes de dizer o 'sim'", se diverte a noiva. A princípio, Natasha e Ricardo queriam um mini-wedding ao ar livre. No entanto, quando começaram a fazer a lista de convidados, viram um casamento intimista seria inviável. "Por isso, resolvemos fazer duas cerimônias: uma simbólica, só com a família, em Bali; e outra religiosa, com uma festa maior, no Brasil", explica. Os preparativos duraram um pouco mais de um ano, e o cenário escolhido para receber os 300 convidados foi a Fazenda Santa Bárbara. "Queríamos um lugar próximo à cidade, com muito verde e uma fachada linda. Quando visitamos a Fazenda Santa Bárbara pela primeira vez, chovia muito (como no dia do casamento), mas o Ricardo saiu de lá falando que se via casando lá. E foi o que aconteceu!", conta. Fabio Borgatto e Telma Hayashi assinaram a decoração, que seguiu o estilo clássico-campestre. "Queria um projeto em branco e atemporal, com arranjos aéreos de orquídeas phalaenopsis", comenta Natasha. O menu do casamento ficou pro conta do Buffet França. "Apostamos no serviço americano, com lanchinho da madrugada....
Leia mais

Casamento em Tiradentes: Laura Carvalho + Marcelo Rocha

Marcelo Rocha é um dos melhores amigos do primo de Laura Carvalho, e foi assim que eles se conheceram. "Foi em junho de 2008, em uma festa de aniversário do meu primo!", explica a noiva. Foram oito anos de namoro até o casamento, e o pedido aconteceu em grande estilo! "Em 2016, eu fui fazer um mestrado em Milão e, quando o Marcelo foi me visitar, fizemos uma viagem linda pela Toscana. E foi onde ele fez o pedido: tirou o violino da mala (ele toca desde pequeno!) e tocou Isn't she lovely, do Stevie Wonder, que acabou fazendo parte da nossa cerimônia", conta. Assim que voltou de Milão, Laura iniciou os preparativos da festa, que duraram cerca de um ano. A noiva sempre sonhou em casar em um jardim, em uma cerimônia de dia. E o cenário escolhido para o "sim" foi a charmosa cidade de Tiradentes, em Minas Gerais. "Nós sempre amamos ir para lá e, em uma das vezes em que fomos, ficamos hospedados na Villa Paolucci. Desde a primeira vez que vi o espaço, soube que casaria ali! Quando ficamos noivos, nem quis olhar outro lugar", explica. E para aproveitar ao máximo a luz natural, os noivos optaram por realizar a cerimônia bem cedo, às 14h. Para a decoração, Laura queria romance e delicadeza. "Sempre quis usar lavandas na festa, e elas foram um dos destaques do projeto. Na paleta de cores, o lilás da lavanda, o verde das folhas com tons como rosa chá, amarelo e azul clarinhos. Não queria aqueles arranjos clássicos, enormes e altos, então o conceito teve lindas floreiras, que desciam pelas mesas. E no coreto, onde estava a mesa de doces, um teto todo florido. Parecia um sonho!", comenta. Como estava morando em...
Leia mais

Casamento na Villa Jockey: Ana Beatriz Libertini + Danilo Finardi

Foi por pouco que Ana Beatriz Libertini e Danilo Finardi não se conheceram. "Nos conhecemos em uma balada na Vila Madalena. Eu estava muito cansada, mas, como era aniversário de uma das minhas melhores amigas, fui mesmo assim. Ele estava com lá com alguns amigos e, desde que cheguei, já prestamos atenção um no outro", conta Ana Beatriz. Os dois namoraram por dois anos e meio, e o pedido de casamento aconteceu quando completaram um ano juntos. "Ele me convidou para ir no Terraço Itália e, antes mesmo de chegar lá, eu quis dar o meu presente. Então, ele me deu um  brinco e uma pulseira. Depois do jantar, ele disse que iria me dar mais um presente e, enquanto esperávamos pela sobremesa, ele pegou o celular e me mostrou um vídeo que fez com todas as nossas fotos. Fomos para o hotel e, quando chegamos, fui direto para a cama. Aí ele deitou ao meu lado e eu disse 'estou te amando tanto que, se você me pedisse em casamento, eu aceitava'. E, em seguida, ele me mostrou a aliança de noivado que estava segurando!", relembra. Ana Beatriz sempre soube que, quando casasse, o cenário seria a Igreja Nossa Senhora do Brasil. "Foi onde meus pais se casaram e lá tem uma estrutura tão linda, que quase não precisa de decoração", explica. Para a festa, o casal escolheu a Villa Jockey, que tem um significado especial para a noiva. "Meu avô tinha cavalos de corrida, e sempre levava meus irmãos, primos e eu para assistir aos páreos no Jockey. Além disso, eu nunca quis um salão todo fechado e a lá tem uma das vistas mais bonitas da...
Leia mais

Casamento ao ar livre: Maíra Rodrigues + Bruno Calvano

Quando se conheceram no casamento de um amigo em comum, Maíra Rodrigues e Bruno Calvano não imaginavam que a história dos dois também renderia um "sim" especial! "No final de 2014, minha irmã gêmea, Angélica, foi convidada para o casamento de um amigo. Faltando pouco menos de duas horas para a cerimônia, o noivo dela teve um contratempo e não pôde ir. Ela me ligou em cima da hora, pedindo companhia, mas eu não estava em casa e não tinha roupas adequadas comigo. Demos um jeito e, na festa, conheci o Bruno. Trocamos telefones aquele dia e começamos a conversar até marcarmos um encontro. E, depois do primeiro beijo, nunca mais nos desgrudamos!", relembra Maíra. Em fevereiro do ano seguinte, Maíra e Bruno estavam namorando. E, alguns meses depois, já dividiam a mesma casa. "Nunca houve um pedido de casamento oficial. Quando estávamos juntos há pouco mais de um ano, decidimos que queríamos celebrar a nova fase", explica. No entanto, na semana do casamento, Bruno decidiu surpreender a noiva com um presente especial. "Ele comprou o anel e, quando acordei no Dia dos Namorados, ele veio com a Lena, nossa cachorrinha, no colo, segurando a caixinha, e fez o pedido!", conta.   Maíra queria que o casamento fosse uma festa despojada, em um lugar acolhedor e que fosse a cara do Rio de Janeiro. "Encontrei tudo isso no Solar Real, um casarão antigo com uma vista de tirar o fôlego. Além disso, fica em Santa Teresa, um dos bairros que eu e o Bruno adoramos por unir beleza e simplicidade", justifica a noiva. Para assinar a decoração, o casal não teve dúvidas e escolheu Renata Paraíso. "Depois de conhecer o...
Leia mais

Destination wedding na Toscana: Patricia Ratto + Flávio Guimarães

A história de Patricia Ratto e Flávio Guimarães começou por conta da medicina. "Eu sou de São Carlos e morei 11 anos em Botucatu, onde fiz faculdade e residência, antes de voltar para a minha cidade. O Flávio é de Minas Gerais e, após morar em São Paulo e Nova York, veio para São Carlos também para trabalhar. Como nós dois somos oncologistas, diariamente nos reuníamos para discutir casos e foi assim que nos aproximamos. No início, ele diz que não tinha segundas intenções, mas, com o passar do tempo, não negou mais o interesse. Após seis meses, eu percebi o homem incrível e maravilhoso que ele é e, finalmente, começamos a namorar!", conta Patricia. Depois de um pouco mais de um ano de namoro, aconteceu o pedido de casamento. "Foi durante uma viagem para a Itália! No último dia, em Firenze, ele fez o pedido em um restaurante em frente à Ponte Vecchio. Eu não esperava e foi bem emocionante!!", relembra. Patricia imaginava um casamento intimista e sempre quis que a Toscana fosse o cenário do grande dia. "Mas achava que era algo muito longe da realidade", comenta. No entanto, depois de quase um ano de preparativos, o sonho do destination wedding se tornou real! "A minha mãe foi a grande responsável por tudo! Ela me ajudou em todas as pesquisas e na organização pré e pós-casamento. Também contamos com dois amigos na Itália, a Paola e o Enzo, que nos ajudaram com as degustações e eventos pre-wedding. Nos dois últimos meses, tivemos duas assessoras que nos auxiliaram na coordenação dos fornecedores e fizeram a assessoria do dia", explica a noiva. Durante a viagem em que aconteceu o pedido de casamento, Patricia e Flávio conheceram a Tenuta...
Leia mais

Casamento no Rio de Janeiro: Laura Borges + Rafael Firmo

Laura Borges e Rafael Firmo se conheceram na faculdade, e logo começaram a sair. "Mas terminamos e só voltamos a ficar juntos depois de formados. Namoramos por quatro anos", conta Laura. Para o pedido de casamento, Rafael levou a futura noiva para um jantar especial no Hotel Santa Teresa, no Rio de Janeiro. "Já tinha até um quarto reservado para passarmos a noite!", relembra. Com apenas oito meses para organizar o casamento, Laura contou com a assessoria de Roberto Cohen e a ajuda da mãe e da sogra. Para a cerimônia, os noivos escolheram a Paróquia São Bento. "Foi onde meu pai, meu sogro e o Rafael estudaram. Além de ser linda, a Paróquia envolve muita história para eles, que são bastante católicos", explica. Como sempre quis um casamento em meio à natureza, Laura optou por fazer a festa ao ar livre. A decoração seguiu o estilo rústico-chic, como os noivos pediram, com cartela de cores em tons quentes. Objetiva e decidida, Laura não teve dificuldades para escolher o vestido de noiva. "Foi na primeira loja que visitei, o terceiro vestido que provei!", conta. Laura optou por um modelo liso com decote tomara que caia, da Pronovias. "Escolhi o penteado na semana do casamento! Eu já tinha uma noção do queria, e optei pelo coque baixo. Para finalizar, usei a grinalda com que minha mãe casou", conta. Para que os convidados pudessem aproveitar ao máximo a festa ao ar livre, a cerimônia aconteceu às 14h30. A cartela de cores da decoração da festa teve tons como laranja, amarelo e rosa. O verde ganhou destaque e marcou presença não apenas nos arranjos, como também na decoração aérea. Lustres de corda, sousplats de rattan e vasos de barro deram o toque rústico que os noivos queriam. Ecila Antunes assinou o menu do casamento, que teve coquetel com opções quentes e...
Leia mais

Casamento da realeza: Ekaterina Malysheva + Ernst August Jr.

Para quem estava com saudade dos casamentos da realeza, hoje temos o "sim" de Ekaterina Malysheva e do príncipe Ernst August de Hannover, que aconteceu no último sábado. A cerimônia para 600 convidados foi realizada na Igreja do Mercado, na cidade alemã. Já a recepção teve como cenário a galeria principal do Castelo de Marienburg, que pertence à Casa de Hannover. Além de protagonista de um casamento real, Ekaterina é também estilista - ela comanda a Ekat, marca queridinha de famosas como Sienna Miller e Poppy Delevingne. Por isso, as expectativas em torno do vestido de noiva eram ainda maiores! A amiga da noiva Sandra Mansur (que também desenhou o segundo vestido de Cleopatra von Adelsheim) assinou o modelo, que tinha mangas longas levemente bufantes e bordados de pérolas. Para complementar o look, tiara floral com diamantes, da Casa de Hannover. A lista de convidados reuniu personalidades e membros da realeza europeia, como os irmãos Casiraghi, Caroline Sieber (postamos o casamento dela aqui) e a família real da Grécia. Os filhos de Tatiana Santo Domingo e Andrea Casiraghi (também publicamos o casamento deles aqui!) foram pajem e daminha: (Fotos:...
Leia mais

Casamento em São Bento do Sapucaí: Livia Abrarpour + Kai Schoppen

Livia Abrarpour é brasileira e Kai Schoppen, alemão. Mas foi em Londres que os dois se conheceram, durante um evento a trabalho. "Eu estava morando na Cidade do México naquela época e ele, em Berlim. Depois de alguns meses, ele foi transferido para o Brasil e, coincidentemente, eu também. Durante os dois primeiros anos, fomos amigos. Depois, acabamos percebendo que éramos apaixonados um pelo outro", conta Livia. Para fazer o pedido de casamento, Kai elaborou um plano com a família e os amigos da noiva! "Foi no Natal de 2013. Estávamos na casa dos meus pais fazendo aquele jogo de amigo secreto de roubar o presente. Eu era a última a escolher, então, na minha vez, só sobrou uma caixinha debaixo da árvore. Quando abri, era o anel!! Ele ajoelhou e me pediu em casamento. Foi lindo!", relembra. Quando começaram os preparativos, que duraram nove meses, Livia e Kai estavam em dúvida entre casar na Alemanha ou em Miami. "Depois de muito vaivém, decidimos que nossos amigos adorariam conhecer o Brasil, especialmente os alemães. Sempre sonhei com um casamento no campo e, como temos um sítio em São Bento do Sapucaí, optamos por dizer o 'sim' na cidade. O lugar é incrível, a energia, as montanhas, a vista... Não tem como não se apaixonar!", justifica. Como cenário para a cerimônia, os noivos escolheram a Igreja Matriz de São Bento do Sapucaí. Já a festa para 300 convidados aconteceu na Pousada do Quilombo. "Para a decoração, imaginei algo bem clean e que combinasse com a natureza. Quis muito verde, branco e tons de amarelo". A Divani Gastronomia cuidou do menu do casamento, que teve duas ilhas gastronômicas e jantar com serviço americano. "Para o lanchinho da madrugada, eles prepararam salsicha alemã com...
Leia mais

Casamento clássico: Mayara Protti + Bruno Mastroléo

A história de Mayara Protti e Bruno Mastroléo começou ainda na escola. "Nos conhecemos na sétima série, mas foi só no primeiro colegial, na época das festas de 15 anos, que o Bruno decidiu que deveríamos ficar juntos! Rs Depois de seis meses de muitas tentativas de conquista por parte dele, eu aceitei o pedido de namoro. Namoramos por seis meses e decidimos que éramos muito novos e que deveríamos viver nossas vidas separados", conta Mayara. Após quatro anos separados, os dois se reencontraram em uma festa com os amigos da escola. "Lá, decidimos começar nos ver mais. Porém, o Bruno já estava com tudo fechado para cursar a graduação no exterior. Mas, depois de passar um mês fora, ele decidiu estudar no Brasil mesmo, então começamos a namorar", explica. Quando completou seis anos de namoro, o casal começou a falar sobre casamento. "Passei a dar indiretas sobre o assunto! Rs Falei para ele que a Igreja Nossa Senhora do Brasil, onde eu sonhava casar, tinha uma lista de espera de dois anos! Convidei ele para ir à Igreja e, quando chegamos lá, ele também se encantou. Resolvemos marcar a data na hora e saímos de lá com o combinado de não contar para ninguém até o pedido de casamento formal", relembra Mayara. No Réveillon daquele ano, os noivos foram viajar com as duas famílias, e a futura noiva sentiu que seria o momento perfeito para o pedido. "Na noite de Ano Novo, jantamos em um hotel, com uma festa incrível! E como o Bruno sempre soube que eu sou apaixonada por fogos de artifício, ele escolheu fazer o pedido bem na virada! Ele me perguntou...
Leia mais