Babies & Kids Casa & Decor 15 anos
Topo

Casamentos em Minas Gerais

Navegue como ou

Casamento em Ibitipoca: Flavia Cirillo + Adolpho Mayer

A gente já publicou aqui no site o casamento da irmã do noivo Adolpho Mayer, Alexia (neste link), e hoje é o o dia de mostrar os lindos detalhes da cerimônia dele com Flavia Cirillo. Os noivos se conheceram em 2009, durante uma festa de final de ano na casa de um amigo em comum. Poucos meses depois, eles engataram um namoro, que acabou não dando certo. "Foram dois anos juntos, mas acabamos terminando. Ficamos um ano separados e até namoramos outras pessoas, mas não conseguíamos nos desligar. Em 2011, voltamos a sair e, para mim, o 'clique' foi nessa época. Percebi que era hora de levar o relacionamento a sério! E desta vez, foi tudo diferente!", relembra Flavia. Oito anos depois de se conheceram, Adolpho surpreendeu Flavia com o pedido de casamento. "Quando fomos trocar os presentes na manhã de Natal, ele deixou a aliança pendurada na árvore!", conta. Os noivos queriam um casamento ao ar livre, que tivesse muita natureza ao redor e fugisse do óbvio. "Há seis anos, fomos em um casamento na Reserva de Ibitipoca, em Minas Gerais, e foi mágico! Gostamos tanto que falamos que, se um dia casássemos, seria ali!", conta. Para surpreender os convidados, Flavia e Adolpho escolheram uma decoração sem flores, assinada por Antonio Neves da Rocha. "Queríamos um conceito que tivesse cara de fazenda e fosse rústico, inovador e elegante. Então, optamos por usar diversos tipos de capim e trigo", explica. (Já falamos sobre a tendência do trigo na decoração de casamento neste link!) O buffet do casamento ficou por conta de Pedro de Artagão, que, segundo os noivos, foi a sensação da festa! "Ele tem uma proposta totalmente inovadora, sem falar na criatividade e no sabor dos...
Leia mais

Casamento em Minas Gerais: Barbara Dutra + Henrique Chaves

Uma reunião de trabalho foi o que uniu Barbara Dutra e Henrique Chaves. Quando completaram cinco anos de namoro, os dois decidiram morar juntos. E logo aconteceu o pedido de casamento. "Como sempre trabalhamos no Carnaval de Belo Horizonte, costumamos programar uma viagem para descansar depois. Em 2016, decidimos ir para Caraíva. Henrique tinha tudo planejado, encomendou um anel de esmeralda com carinha de joia antiga. Mas lá, passamos dias rodeados por uma turma com um astral maravilhoso. Consequência: Henrique ficou dias com o anel no bolso, mas não conseguia o momento perfeito para fazer o pedido! No último dia, ele me chamou para dar um mergulho no rio e para ver o pôr do sol. Estávamos sozinhos, dizendo o quanto gostávamos um do outro e ele me pediu! Foi o momento perfeito!", conta a noiva. Apesar de ser fotógrafa de casamento, Barbara nunca sonhou com seu próprio grande dia. "Me realizo muito em participar de momentos tão especiais e de fazer parte da história de muitos clientes que se tornaram amigos. Mas, se fosse para casar, queria um grande banquete ao ar livre, de dia, em uma fazenda e debaixo de uma árvore", explica. E a Fazenda Jagoara Velha, em Matozinhos, em Minas Gerais, se revelou o cenário perfeito para receber os 300 convidados. "Em 2013, depois de passar um final de semana na Fazenda Jagoara com os pais, o Henrique me mandou uma foto e disse 'já decidi onde nos casaremos'. Eu me apaixonei pelo lugar, que é histórico e abriga a Igreja de Nossa Senhora da Conceição da Jagoara, que tem projeto arquitetônico e decoração de Aleijadinho", explica. Os noivos adoram o estilo rústico, que...
Leia mais

Casamento em Tiradentes: Laura Carvalho + Marcelo Rocha

Marcelo Rocha é um dos melhores amigos do primo de Laura Carvalho, e foi assim que eles se conheceram. "Foi em junho de 2008, em uma festa de aniversário do meu primo!", explica a noiva. Foram oito anos de namoro até o casamento, e o pedido aconteceu em grande estilo! "Em 2016, eu fui fazer um mestrado em Milão e, quando o Marcelo foi me visitar, fizemos uma viagem linda pela Toscana. E foi onde ele fez o pedido: tirou o violino da mala (ele toca desde pequeno!) e tocou Isn't she lovely, do Stevie Wonder, que acabou fazendo parte da nossa cerimônia", conta. Assim que voltou de Milão, Laura iniciou os preparativos da festa, que duraram cerca de um ano. A noiva sempre sonhou em casar em um jardim, em uma cerimônia de dia. E o cenário escolhido para o "sim" foi a charmosa cidade de Tiradentes, em Minas Gerais. "Nós sempre amamos ir para lá e, em uma das vezes em que fomos, ficamos hospedados na Villa Paolucci. Desde a primeira vez que vi o espaço, soube que casaria ali! Quando ficamos noivos, nem quis olhar outro lugar", explica. E para aproveitar ao máximo a luz natural, os noivos optaram por realizar a cerimônia bem cedo, às 14h. Para a decoração, Laura queria romance e delicadeza. "Sempre quis usar lavandas na festa, e elas foram um dos destaques do projeto. Na paleta de cores, o lilás da lavanda, o verde das folhas com tons como rosa chá, amarelo e azul clarinhos. Não queria aqueles arranjos clássicos, enormes e altos, então o conceito teve lindas floreiras, que desciam pelas mesas. E no coreto, onde estava a mesa de doces, um teto todo florido. Parecia um sonho!", comenta. Como estava morando em...
Leia mais

Casamento em Minas Gerais: Flaviana Freitas + Gustavo Gontijo

O primo de Flaviana Freitas é amigo de Gustavo Gontijo, e foi ele quem os apresentou em um Réveillon. "Namoramos por cinco anos e o pedido de casamento aconteceu em um jantar especial, em Belo Horizonte", conta Flaviana. A noiva sempre sonhou com um casamento de dia, por isso, decidiu dizer o "sim" no Instituto Inhotim, em Brumadinho, pertinho de Belo Horizonte. "Queríamos um lugar a céu aberto e com muito verde. Casar no Inhotim foi complicado porque tem muita burocracia. Mas foi uma ótima escolha, teve uma energia incrível!", comemora. A decoração da festa teve muitos tons de rosa e detalhes em dourado. "A beleza do lugar ajuda muito, mas eu queria muitas flores", explica. E o projeto floral teve diferentes espécies de rosas, além de tulipas e hortênsias. O vestido de noiva era tomara que caia com fundo rosé e aplicações de renda. A beleza seguiu o estilo clássico, com coque baixo e maquiagem esfumada. O menu do casamento ficou por conta do Rullus Buffet. "Os destaques do cardápio foram o Linguado ao molho de limão siciliano decorado com crispies de alho-poró e o Medalhão de filé coberto com creme de cogumelos tostados ao molho de vinho com purê de batata baroa, ervilhas tortas e tomatinhos confit", ressalta a noiva. Os detalhes do casamento foram todos registrados pela fotógrafa Ana Junqueira. A cerimônia aconteceu em espaço aberto, e a decoração em verde e branco foi completamente integrada à paisagem natural. Os tons de rosa deram um toque romântico à decoração. O dourado apareceu tanto nos móveis, quanto em detalhes como os sousplats e taças. Castiçais e lustres de cristal complementaram a ambientação, reforçando o estilo clássico da festa. Montada em espaço aberto, a mesa de doces foi decorada em verde e branco e recebeu bandejas de prata e cristal. Fotos: Ana Junqueira | Assessoria: Le Cult | Espaço: Instituto Inhotim | Decoração: Helô Newton | Móveis: Commemorare...
Leia mais

Casamento em Belo Horizonte: Silvia Jacques + Paulo Loureiro

Silvia Jacques e Paulo Loureiro se conheceram na Igreja que frequentavam. E, após um ano de namoro e dois de noivado, disseram o "sim" em um charmoso casamento em Belo Horizonte. "O pedido de casamento aconteceu em Miami. O Paulo queria que acontecesse na praia ou em algum restaurante. Mas, como estávamos lá para fazer o enxoval do irmão dele, que ia se casar, passávamos o dia inteiro fazendo compras. Então, depois de mais um dia pelas lojas, ele colocou o anel em uma das minhas sacolas. Quando encontrei a caixinha, fui perguntar de quem era, sem perceber nada. Como não era de ninguém, resolvi abrir e levei um susto quando vi o anel. A ficha custou a cair!", relembra Silvia. A noiva sempre quis um casamento de dia, em estilo campestre. "Por isso, marcamos no horário do almoço, em um clima super leve e romântico, bem diferente das 'festas balada' que temos por aqui", explica. Para a decoração, Silvia fez questão de muitas flores e uma rica cartela de cores, com estampas alegres. O vestido foi a primeira coisa que Silvia escolheu, assim que ficou noiva. Ela sempre imaginou um modelo leve, para acompanhar o clima da festa, e com decote nas costas. E assim foi! No entanto, Silvia também se surpreendeu com algumas de suas escolhas para o grande dia. "Queria casar de cabelo solto e, muito ansiosa e decidida, comprei um acessório e estava tudo resolvido. Nunca havia feito um coque na vida, até que fui madrinha de dois casamentos em um dia e decidi apostar no penteado, para o cabelo durar mais. Me apaixonei pelo conforto dos fios presos e achei que caiu bem em mim. Então mudei de ideia!",...
Leia mais

Casamento em Belo Horizonte: Mariana Araújo + Paulo Henrique Rage

Mariana Araújo e Paulo Henrique Rage se conheceram em uma festa em Belo Horizonte, quando foram apresentados por amigos em comum. Até o pedido de casamento, que teve Punta Cana como cenário, foram quatro anos de namoro. "Fomos para lá para o casamento de um grande amigo. No último dia em Punta, depois da festa, tivemos um jantar de despedida. Em determinado momento, o noivo, que era o único que sabia do pedido, chamou o Paulo para que ele dissesse o que tinha achado da viagem. Ele disse que estava muito feliz em estar em um lugar maravilhoso com os amigos. Então, me chamou e disse que, para que a viagem ficasse mais completa, ele queria me fazer um pedido. Até ali, a ficha ainda não tinha caído, foi quando ele ajoelhou e disse 'Mariana, quer se casar comigo?'. Lágrimas, sorrisos e palmas não faltaram nesse momento!", relembra a noiva. Como mora no Rio de Janeiro, Mariana contou com a ajuda dos pais e a assessoria da Supernova Promo MKT para organizar o casamento em Belo Horizonte, que teve 1300 convidados. "Sem dúvidas, a Supernova Promo MKT foi a minha melhor contratação. Sem a equipe maravilhosa, liderada pela Letícia Bhering, não daria conta de pensar e cuidar de tantos detalhes", elogia. Para a decoração da festa, Mariana sempre imaginou um projeto em tons de rosa e dourado, com pinceladas de azul Tiffany, a cor preferida da noiva. Para agradar todos os paladares, Mariana e Paulo Henrique optaram por criar ilhas gastronômicas temáticas: italiana, francesa, ibérica e árabe, que foram comandadas pelo Buffet Rullus. A Help Bar foi a responsável pelos drinks da noite, e criou duas receitas exclusivas - uma para a noiva e outra para o noivo....
Leia mais

Casamento em Belo Horizonte: Larissa Guimarães + Luis Felipe Procópio

As famílias de Larissa Guimarães e Luis Felipe Procópio já se conheciam, mas os dois ainda não. Até que surgiu a oportunidade de Larissa estagiar no escritório de advocacia do pai de Luis Felipe. "Eu seria estagiária dele. Fiz uma entrevista e fui contratada. Desde o início, ele me convidava para os programas do escritório, mas, como não tinha intimidade com ninguém, sempre recusava. Até que os outros estagiários me convenceram a ir e o Luis Felipe foi se aproximando, até que ficamos", relembra Larissa. Larissa e Luis Felipe estavam juntos há dois anos quando aconteceu o pedido de casamento. "Ele já morava sozinho e planejou um jantar romântico em casa. Quando eu cheguei, tinha pétalas de rosa, um jantar à luz de velas com champagne e a caixinha da aliança. Ele se ajoelhou e perguntou se eu queria me casar com ele", conta. Os preparativos duraram 10 meses e os noivos queriam um casamento clássico, com muitas flores. "A festa teve tons de rosa, orquídeas, tulipas e peônias. E meu xodó da decoração foi a parede de flores que usamos como backdrop para as fotos". O vestido da noiva era modelo sereia, com cauda bem volumosa de tule. Os bordados florais cobriam todo o vestido, dando leve toque de brilho ao look. Para registrar todos os detalhes do casamento, Larissa e Luis Felipe escolheram a fotógrafa Ana Junqueira.  Depois da cerimônia, Ana Junqueira aproveitou a parede de flores para fazer um lindo ensaio com os noivos! A decoração segui o desejo dos noivos, e os castiçais e os lustres de cristal reforçaram o estilo clássico da festa. Mobiliário em dourado complementaram a ambientação. ( Fotos: Ana...
Leia mais

Casamento em casa: Marina Dubal + Bruno Lafetá

Marina Dubal e Bruno Lafetá se conheceram na festa de aniversário de um amigo em comum. Como ele é engenheiro e ela, arquiteta, os dois começaram a conversar sobre trabalho... e o resultado foram 7 anos de namoro! O pedido de casamento aconteceu de um jeito divertido e original. "Ele comprou um daqueles brinquedos artesanais de argolas, com uma base e um cordão, desses que desafiam a inteligência. Ficamos o dia inteiro tentando tirar as argolas da base e nada... No dia do nosso aniversário de namoro, ele apareceu como uma caixinha e disse que eu só ganharia se tirasse as argolas da base. Depois de algumas tentativas, ele pegou o brinquedo e, em dois segundos, conseguiu tirar as argolas!", relembra Marina. Logo após o noivado, Marina e Bruno começaram a projetar a futura casa, que acabou se tornando o cenário do grande dia. "Sempre imaginamos um casamento mais intimista e queríamos que esse momento fosse lembrado como parte da história do nosso lar", explica a noiva. Foram apenas 6 meses para os preparativos e, para a decoração, a noiva quis um conceito elegante e contemporâneo. Marina define a busca pelo vestido de noiva como "nada romântica, tipo Cinderela às avessas", já que comprou a peça pela internet. "Um dia recebi uma newsletter da Saks Fifth Avenue com aquelas mega promoções de final de ano. Sempre quis um vestido mais reto, contemporâneo e sem volume. Resolvi pesquisar e adorei um modelo todo bordado e com ótimo preço. Acabei comprando na cara e na coragem". E não é que deu certo? "Ficou perfeito! Só tive que ajustar o comprimento. E...
Leia mais

Casamento em Minas Gerais: Suzana Boechat + Renato Magalhães

Suzana Boechat e Renato Magalhães se conheceram em um barzinho, durante a Copa do Mundo de 2014. Dois meses depois, saíram juntos pela primeira vez e, desde então, "não se desgrudaram mais". Pouco antes de completarem um ano de namoro, aconteceu o pedido de casamento, que teve Paris como cenário. "Ele fez uma surpresa linda para mim! Contratou um fotógrafo profissional para fazermos uma sessão juntos. Então, quando estávamos no final das fotos, próximo à Torre Eiffel, ele fez o pedido. Foi muito especial e, o melhor, temos tudo registrado!", conta Suzana. Os preparativos duraram apenas 9 meses e o casamento aconteceu em Itaúna, no interior de Minas Gerais. "Queríamos uma cerimônia em meio à natureza e com a luz do sol. O local escolhido foi à beira de um lago onde o Renato tem uma casa de campo. Passamos ótimos momentos lá durante o namoro. Foi ideal!", explica a noiva. Ana Junqueira foi a responsável pelas fotos e fez lindos cliques à beira do lago, tirando proveito da luz natural. Andréa Alencar assinou a beleza da noiva, com maquiagem leve e penteado meio-preso, que foi finalizado com um acessório de flores. Como a cerimônia aconteceu à beira do lago, nada mais justo do que a noiva chegar de barco! Após a cerimônia, Ana Junqueira aproveitou o cenário para uma sessão de fotos ao ar livre. Suzana é romântica e fazia questão de que a decoração do casamento refletisse sua personalidade. "Queria nosso dia transbordasse amor e aconchego. Por isso, escolhi cores claras e uma simplicidade elegante, para que nossos convidados se sentissem bem à vontade". As mesas dos convidados receberam arranjos de rosas em tons de rosa, branco e pêssego. Sousplats...
Leia mais

Casamento em Minas Gerais: Maristela Amaral + Rogério Oliveira

O "cupido" da história de Maristela Amaral e Rogério Oliveira foi a irmã do noivo. "Ela era minha amiga e saíamos juntas. Ele sempre me chamou a atenção por ser um homem alto e bonito, tímido e super na dele, muito correto, querido e admirado por todos! Ou seja, para casar! Até que um dia ficamos e nossa história começou. Nos separamos algumas vezes e quase que nossos destinos se desencontraram. Mas o que é pra ser ninguém muda", conta Maristela. Para a sorte da noiva, o casamento era um sonho de Rogério também. "Ele falava muito em casar! Até que, em uma de nossas separações, decidimos nos acertar para ficar juntos de vez! Decisão séria, consciente, certa e planejada". Os preparativos duraram 1 ano e Maristela e a mãe se dedicaram exclusivamente à organização da festa. Escolher o vestido foi uma das decisões mais fáceis para a noiva. "Eu já tinha o modelo em mente", conta. De mangas longas e gola alta, o vestido sereia era todo bordado. A coroa assinada por Thaís Vilela complementou o visual. Maristela imaginou uma decoração com toque contemporâneo. "Eu não queria muitas cores, sonhava com quase tudo branco e com muitos cristais e espelhos". Os móveis espelhados e em acrílico deixaram o espaço moderno e os arranjos em verde e branco deram um ar clássico à ambientação. Algumas paredes e o teto receberam pontos de luz, dando o efeito de céu estrelado. Forminhas brancas embalaram os docinhos, que foram acomodados em bandejas de cristal. Fotos: Dois Cliques | Assessoria: Fátima Cerimonial | Espaço: Ipê Campestre Clube | Decoração: Luciene Festas | Buffet: Sabor & Art | Bolo: Comemora Bolos Decorados | Doces: Doce Mania Vale e Lourilene...
Leia mais

Casamento em Belo Horizonte: Renata Nogueira + Matheus Câmpara

Hoje temos um casamento em Belo Horizonte que é diferente de tudo o que costumamos postar aqui no site! A noiva, Renata, se define como uma mistura entre o clássico e o contemporâneo, e a decoração seguiu o mesmo estilo. O resultado foi uma ambientação moderna e marcante! A fotógrafa Marcia Charnizon foi a responsável por registrar todos os detalhes do casamento, realizado na Casa Tua. A HISTÓRIA DOS NOIVOS Renata e Matheus se conheceram de maneira despretensiosa durante uma festa, em Belo Horizonte. E o que começou sem compromisso e expectativas rendeu um namoro de 6 anos. "A Bárbara, minha amiga desde a infância, me apresentou ao Matheus. Ele não me chamou a atenção de imediato, mas começamos a conversar. E, no final da noite, acabamos ficando", conta Renata. O pedido de casamento aconteceu em São Paulo e foi uma surpresa para a então futura noiva. "Tínhamos acabado de voltar de 'um tempo' no relacionamento e ele tentava me agradar de todas as formas. Estávamos em um bar e, de repente, ele me perguntou 'Rê, você quer se casar comigo?'. Achei que era brincadeira, ele disse que estava falando sério, mas não tinha nem aliança! Eu aceitei e combinamos de comemorar em um jantar! Foi quando ele me surpreendeu com um anel de noivado, além das alianças, que havíamos escolhido juntos! Foi muito lindo!", relembra.  O CASAMENTO Os preparativos do casamento duraram 1 ano e 4 meses e tiveram a assessoria de Letícia Bhering, da Supernova Promo MKT. "Começamos a pensar e a organizar tudo logo após o noivado. Eu e minha mãe queríamos uma decoração que fosse extremamente diferente e...
Leia mais

Casamento em Belo Horizonte: Gabriela Mattar + Guilherme Machado

Hoje mais cedo, postamos o primeiro casamento de Gabriela Mattar e Guilherme Machado que, em clima intimista, reuniu apenas os familiares e padrinhos dos noivos. O "casamento de verdade" aconteceu alguns dias depois, também na casa da noiva, e foi marcado para "a hora do por do sol", que serviu como pano de fundo da cerimônia ao ar livre. A recepção foi realizada no terreno ao lado, em uma estrutura construída especialmente para a ocasião! A fotógrafa Marcia Charnizon registrou todos os detalhes e Vicente Piserni foi o responsável pelo vídeo. Para a entrada da noiva, foi montada uma nave toda decorada por arranjos em branco, verde e tons suaves de rosa. Gabriela e Guilherme disseram o "sim" com uma vista incrível para as montanhas e o por do sol. O vestido de noiva, assinado por Junior Santaella, era quase todo bordado e tinha cauda removível, além de decote generoso nas costas. O bouquet era de camélias, que foram colhidas no jardim da casa de Gabriela. A decoração teve muitos tons de rosa e arranjos de diferentes estilos. As mesas em diversos formatos deixaram o ambiente mais dinâmico. Na mesa de doces, além de arranjos altos em tons de rosa e roxo, outros menores em verde e branco. Isabella Suplicy foi a responsável pelo bolo todo branco e decorado com flores: Espirais de acrílico deixaram o ambiente mais moderno e, como refletiam a luz, deram um toque de brilho à decoração. Além dos espirais, arranjos suspensos em rosa e roxo complementaram a ambientação da pista de dança. O registro em vídeo ficou por conta de Vicente Piserni:  https://vimeo.com/171161078 Fotos: Marcia Charnizon | Vídeo: Vicente Piserni |...
Leia mais

Casamento intimista: Gabriela Mattar + Guilherme Machado

No ano passado, postamos aqui no blog o lindo destination wedding de Raquel Mattar. E agora, temos o casamento de sua irmã, Gabriela! Primeiro, ela e o noivo, Guilherme Machado, realizaram uma cerimônia super intimista, apenas para a família e os padrinhos. Depois, foi a vez do "casamento de verdade", com direito a festa para mais de 1 mil convidados, que postamos aqui no blog também! Em clima intimista, Gabriela e Guilherme receberam os convidados para um almoço em casa, próximo a Belo Horizonte. Para a ocasião, a noiva usou vestido com top em laise e saia com fenda generosa. A maquiagem leve e iluminada foi complementada por um penteado meio-preso, com os fios levemente ondulados. A decoração teve mix de cores, com diversos arranjos delicados e mini arbustos. Sousplats de cristal com bordas douradas complementaram a mesa. A fotógrafa Marcia Charnizon foi a responsável pelos cliques e registrou todos os...
Leia mais

Casamento em Belo Horizonte: Camila + Fernando

Camila e Fernando seguiram a tradição da família da noiva e se casaram na Basílica Nossa Senhora de Lourdes, em Belo Horizonte. Enquanto a cerimônia foi clássica, o clima da festa era mais moderno, com decoração em preto e branco. Para receber os mais de 900 convidados, os noivos escolheram o BHZ Espaço.   A HISTÓRIA DOS NOIVOS Camila tinha apenas 13 anos quando conheceu Fernando em Almenara, a cidade natal dos pais deles. "Foi amor à primeira vista, da minha parte. E entre vários encontros e desencontros, estamos juntos desde 2011 e com a certeza de que é para sempre!", conta a noiva. O pedido de casamento não foi surpresa e sim o resultado de uma conversa que Camila e Fernando tiveram após 3 anos de namoro. "Chegamos à conclusão de que seria muito melhor crescermos e construirmos uma vida juntos. Fizemos um jantar para a família e alguns amigos e, naquela noite, foi tudo como manda o figurino: com discurso, pedido de joelhos e com a aliança maravilhosa que ele escolheu e mandou fazer. Foi muito lindo e animado!", relembra. O CASAMENTO Na semana seguinte ao noivado, que aconteceu em janeiro de 2014, Camila já começou os preparativos do casamento, que duraram quase 2 anos. "Quis manter a tradição de família e casar na Basílica Nossa Senhora de Lourdes, que tem uma agenda bem concorrida, e só consegui data em uma sexta-feira no final de 2015. É uma loucura conciliar toda a organização com o trabalho, a reforma do apartamento, as férias, a lua de mel, a correria do final de ano... Mas no fim tudo...
Leia mais

Casamento no campo: Marina Canabrava + Ruy Fernandes

Marina Canabrava e Ruy Fernandes escolheram o interior de Minas Gerais como cenário para o casamento no campo! A cerimônia aconteceu ao ar livre, em um clima super gostoso e aconchegante, e a festa ganhou decoração vibrante, com tons de rosa, roxo e vermelho. A HISTÓRIA DOS NOIVOS Marina e Ruy se conheceram em um almoço em família e foram apresentados por ninguém menos do que a mãe do (futuro) noivo! E a "escolha" da sogra de Marina não poderia ter sido mais certeira, já que, com pouco mais de 3 anos de namoro, aconteceu o pedido de casamento. "Fizemos uma viagem para Colômbia, em Isla Providencia, um lugar pequeno, mas maravilhoso! O Ruy combinou com o pessoal do hotel de levar o café da manhã no quarto para a gente e, na bandeja, estava o anel", relembra. O CASAMENTO Marina e Ruy ficaram noivos cerca de 1 ano e meio antes do casamento, mas só começaram os preparativos depois de 6 meses. "Queríamos reunir a família e os amigos em um local lindo, mas aconchegante, para que todos se sentissem muito à vontade", conta. Como a mãe da noiva adora decoração, a festa "teve um dedinho dela em tudo". "Facilitou muito para que o casamento fosse exatamente o que queríamos!", conta a noiva. Na nave, a delicadeza das flores em lilás contrastou com o toque moderno da passarela espelhada. Foi o padrasto de Marina que a conduziu à nave. Lá, ele a entregou ao pai para que ele levasse a noiva ao altar! Marina sempre soube como seria seu vestido de noiva e não teve dificuldades...
Leia mais

Casamento civil na galeria de arte: Vanessa + Giuseppe

Como é fotógrafa e também registra casamentos (tem alguns aqui no blog!), Vanessa não queria que a cerimônia com Giuseppe caísse no lugar comum. "Nossa primeira ideia foi um local tipicamente italiano em Belo Horizonte, mas não deu certo. Foi quando veio a ideia de um casamento civil na galeria de arte e nós nos identificamos muito mais com essa proposta", conta a noiva. No entanto, antes do esperado "sim", Vanessa e Giuseppe protagonizaram uma história digna de filmes de romance. "Tudo começou na Toscana, quando fui fotografar o casamento da irmã dele. Nos apaixonamos à luz do luar refletida na irretocável paisagem. Parece até texto tirado de livro de romance meloso, mas é a mais pura verdade", brinca. >> Veja mais casamentos civis De Toscana, a história dos dois partiu para Nova York, onde aconteceu o pedido de casamento. "Fui contratada para registrar uma família na Big Apple e aproveitamos para passar uns dias juntos por lá. Quando voltei da sessão de fotos, não conseguia encontrar o Giuseppe no hotel nem no celular. Foi quando ele saiu do armário, literalmente. Sem piadas aqui, hein? Ele estava escondido, eu morri de rir e ele não conseguia parar de chorar", se diverte Vanessa. "Giuseppe me falou da vontade que ele tinha de me fazer a mulher mais feliz do mundo e pronto! Abri aquela caixinha azul e disse 'sim' na mesma hora", complementa. Para oficializar a união, Vanessa e Giuseppe queriam receber a bênção em uma igreja na Toscana. Mas, como organizar um destination wedding levaria mais tempo, os dois optaram pelo casamento civil no...
Leia mais

Casamento em Minas Gerais: Bárbara + André

Hoje temos um casamento em Minas Gerais, super clássico! Bárbara e André se conheceram na festa de formatura de amigos em comum, quando os dois, que são do interior, moravam em São Paulo. "Após encontros e desencontros, ele me convidou para sair e nunca mais nos separamos! Os amigos da formatura foram nossos padrinhos de casamento", conta a noiva. >> Veja mais casamentos em Minas Gerais O casal sempre conversou sobre casamento, mas, para Bárbara, esse era um plano a longo prazo. Além disso, ela nunca teve grandes expectativas em relação ao tão esperado pedido - e acabou surpreendida! "Certo dia, ele me convidou para jantar, mas, como estava muito cansada, sugeri que ficássemos em casa. Quando cheguei em casa, depois de um dia cheio no trabalho, ele já estava lá e tinha um cartão em cima da mesa de jantar, com o recado: 'Bárbara, você quer ser minha noiva?'. Quando percebi que ele estavam filmando, ele me deu o anel e abriu uma garrafa de champagne. Me lembro com muito carinho do dia e do que ele significou para nós. Foi um momento só nosso e muito do jeitinho dele". Os noivos começaram a planejar o casamento e Bárbara foi bastante racional nas primeiras decisões. "Conversei com meus pais sobre o orçamento e nossas prioridades. Queria que a festa fosse em um salão fechado e bem climatizado, assim não correríamos o risco da chuva atrapalhar, e que fosse dentro da cidade. Decidi casar na capela do colégio onde estudei por 8 anos", relembra. No entanto, conforme a organização da festa evoluía, Bcárbara se descobriu uma "noiva...
Leia mais

Casamento clássico: Viviana + André

Viviana fazia faculdade em Nova York, enquanto André cursava o doutorado em Paris. Mas os caminhos dos dois pareciam destinados a se cruzar e assim foi! "Nos conhecemos durante uma palestra de filosofia em que o palestrante era francês. Ele percebeu que eu não estava usando fones de ouvido para tradução simultânea e, no intervalo, ele puxou papo. Me perguntou se eu era francesa e estava morando no Brasil", relembra. Os dois começaram a trocar longos e-mails e, apesar da diferença de 13 anos entre eles, o namoro deu super certo e, após 5 anos, aconteceu o pedido de casamento. O cenário escolhido para o pedido foi Paris e, segundo Viviana, tudo "foi bem clichê". "Estávamos na famosa ponte dos cadeados, quando ele colocou o nosso, personalizado pelo tio dele, que é artista plástico, me deu um beijo e jogou a chave no rio Sena. Em seguida, veio o pedido! Adoro contar isso, porque acho que, às vezes, precisamos viver os clichês também". Quando voltaram ao Brasil, Viviana e André compartilharam a notícia com as famílias e a mãe dela presenteou-a com um diamante que era de sua avó. "Mandamos confeccionar o anel de noivado com esse diamante e ficou uma perfeição. A joia foi feita pelo Simon Wright", conta. Como o primeiro livro de André havia sido lançado na sede do tradicional Minas Tênis Clube, o casal não hesitou antes de escolher o local para abrigar também o casamento clássico. "Optamos por uma decoração elegante, com flores brancas e muitas velas, mas também queríamos um contraste entre o preto e o branco, já presentes no...
Leia mais