Babies & Kids Casa & Decor 15 anos
Topo

Navegue como ou

Casamento em Brasília: Laura Vieira + Abdalla Naoum

Os pais de Laura VieiraAbdalla Naoum já se conheciam há anos, mas os dois nunca haviam se encontrado. “Até a festa de 15 anos de uma amiga em comum! Em três meses, estávamos namorando”, conta Laura. Foram nove anos de namoro, sendo seis à distância – ela em São Paulo e ele, em Brasília. E se engana quem pensa que foi fácil! “Decidi que a distância não estava mais dando certo e terminamos, relembra. Mas esse foi o empurrãozinho que faltava para o pedido do casamento“Quase um mês depois, eu já estava no meu apartamento, de pijamas, esperando o milkshake que pedi chegar. Tocou a campainha, e era o Abdalla, com flores na mão, uma mala e minha entrega da lanchonete. Ele fez o pedido de casamento, tomei o milkshake mais especial da minha vida e fomos jantar no nosso restaurante preferido! Simples, sem fogos de artifício, mas com muito amor!”, conta.

Quando o assunto era casamento, Laura era “cheia de sonhos”“Além da pastinha de referências, tinha guardadas na memória várias cenas de filmes, com a música que queria dançar, os fogos de artifício, a cascata de champagne com taças vintage… E assim por diante! Fazia questão de seguir todos os momentos clássicos de um casamento tradicional, não quis nada moderno ou muito reinventado. Sonhava com uma festa discreta, apenas para os mais próximos, mas com tudo o que tivesse direito. O bolo da Isabella SuplicyFornecedoresISABELLA SUPLICYBolos & DocesSão Paulo, São Paulo (Capital)Leia mais, por exemplo, estava na minha pastinha há anos. E foi muito emocionante quando ele chegou, assim como tudo o que foi se realizando no grande dia. Me senti no filme que criei!”, comenta.

Laura é arquiteta, o que influenciou bastante na escolha do local do casamento. “Sempre fui fã do trabalho do arquiteto João Filgueiras Lima, o Lelé, e durante a faculdade, descobri a Mansão dos Arcos. Quando estava em busca do espaço, lembrei que o eixo central da casa foi inspirado na nave de uma Igreja, onde a família se reuniria em um lugar sagrado. Quando fui conhecer o local, me apaixonei e enxerguei o que ele havia imaginado: uma Igreja monástica, solene e monumental, com entrada de muita luz. Era o local perfeito para a cerimônia e também tinha uma linda área externa, ideal para uma festa ao ar livre, como eu queria!”, explica.

Além de arquiteta, Laura é também super detalhista. Por isso, fez questão de assinar o projeto de decoração do casamento, com execução de Maria Tereza Cavalcante. “Tinha tudo pronto na minha cabeça! Quis eu mesma desenvolver o conceito e, se pudesse, teria arrumado tudo no próprio dia. Mas não deixaram! Rs“, se diverte. A noiva não queria exageros na decoração, que teve duas diretrizes: respeitar o projeto original do espaço; e foco no mobiliário“Todos os móveis foram muito bem escolhidos: quadros e objetos com história, criando ambientes com o capricho de detalhes, que sempre temos em casa, para que o projeto realmente tivesse a nossa cara e energia, explica. E para que a decoração ficasse exatamente como havia imaginado, Laura garimpou cada peça. “A maioria do mobiliário foi trazida de São Paulo, da 100% Eventos, que oferece muitas opções e também trabalha com personalização. Eles laquearam a mesa da cor que queríamos e produziram o bar de 20 metros que eu desenhei”, detalha.

vestido de noiva é sempre uma história à parte. E, no caso de Laura, a mais especial. “O vestido de casamento da minha avó Lindaura sempre apareceu na minha vida, pois era guardado em casa, e toda vez eu me fascinava com sua beleza. Quando fiquei noiva, decidi vesti-lo para ver se cabia e fazer uma surpresa para ela. O vestido ficou perfeito e minha mãe deu a ideia de fazer uma releitura, pois o original estava muito desgastado”. O modelo veio de Paris, nos anos 40, em molde de papel. E como era costureira de alta-costura, Lindaura confeccionou o próprio vestido. “Por isso, ela insistiu que, para refazer o vestido, teria que ser uma estilista de mão cheia. E assim, chegamos à conclusão de que Wanda BorgesFornecedoresWANDA BORGESVestidos de NoivaSão Paulo, São Paulo (Capital)Leia mais seria a pessoa ideal para esse desafio. Quando conheceu o vestido, a WandaFornecedoresWANDA BORGESVestidos de NoivaSão Paulo, São Paulo (Capital)Leia mais confirmou que não era uma modelagem fácil e nada comum. Seria melhor, então, desmontar o original para que a releitura fosse fiel. Vovó nos deu autorização e assim fizemos! O resultado ficou perfeito! A WandaFornecedoresWANDA BORGESVestidos de NoivaSão Paulo, São Paulo (Capital)Leia mais foi muito cuidadosa e delicada, e executou com primor o desafio lançado! Além disso, ela adicionou o novo decote, que combinava mais comigo”, elogia.

A avó de Laura também foi a responsável por completar o look da noiva“Sempre sonhei com uma mantilha antiga e bem clássica. Em uma viagem a Paris, dei essa missão a minha irmã, que encontrou uma peça original do século 18, que pertenceu à família Bourbon-Parma. Vovó foi a primeira a bater o martelo e logo disse ‘essa mantilha é sua’. Juntas, ela e minha irmã me deram esse lindo presente, que agora faz parte da nossa família”, conta. Para complementar a mantilha, a Tula Casqueteria desenvolveu uma peça com flores de laranjeira e pérolas“Minha avó, infelizmente, nos deixou antes do casamento. Foi difícil continuar com os preparativos e pensar em festa. Mas, seguindo seus ensinamentos, fomos fortes e tivemos fé para prosseguir com a vida. Tive sorte de ser inteiramente ‘vestida’ por ela para o casamento. Senti ela presente e forte perto de mim, como uma bênção eterna”.

“Para a cerimônia, escolhi árvores para resgatar o verde dos jardins internos, tão explorados no projeto original da casa. Assim, conseguimos manter o foco na arquitetura e no clima monástico concebido com primor por Lelé”, explica Laura.

Para valorizar ao máximo a arquitetura do espaço, Laura fez questão de elaborar um projeto de luz bem afinado“A iluminação evidenciou ainda mais a beleza dos arcos. Assim, não precisávamos de quase mais nada!”, conta.

A festa aconteceu ao ar livre. E, para aquecer a decoração, Laura quis flores em cores quentesbastante folhagem“Quisemos arranjos simples, sem exageros, que valorizaram ainda mais os vasos que garimpamos nos antiquários”, conta Laura.

Laura pensou em cada detalhe do casamento, e com a lembrancinha não poderia ser diferente! “Os bem-casados tinham um poema de amor de Pablo Neruda gravado na fita, que foi parte da papelaria da Linum! Uma pequena declaração minha para o noivo e também uma celebração do amor, o sentimento mais importante da noite e das nossas vidas”, conta a noiva. O poema:  “Amo-e para começar a amar-te para recomeçar o infinito”.

A tão sonhada torre de champagne Perrier-JouëtFornecedoresPERRIER-JOUËTBebidas & Serviços de BarSão Paulo, São Paulo (Capital), Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Belo Horizonte, Distrito Federal, Brasília, Santa Catarina, Florianópolis, Goiás, Goiânia, Bahia, SalvadorLeia mais

… e os fogos de artifício:

Fotos: Bruno Stuckert | Cerimonial: Cristian Britto | Decoração: Laura Vieira (projeto) e Maria Tereza Cavalcante (execução) | Flores: Clarice Mukai | Móveis: 100% Eventos e Antiquário Perez e Prado | Materiais e objetos: D. Filipa | Tapetes: By KamyFornecedoresBY KAMY EVENTOSAluguel de MóveisSão Paulo, São Paulo (Capital)Leia mais | Buffet: Renta La Porta | Bar: Help BarFornecedoresHELP BARBebidas & Serviços de BarSão Paulo, São Paulo (Capital), Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Distrito Federal, BrasíliaLeia mais | Champagne: Perrier-JouëtFornecedoresPERRIER-JOUËTBebidas & Serviços de BarSão Paulo, São Paulo (Capital), Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Belo Horizonte, Distrito Federal, Brasília, Santa Catarina, Florianópolis, Goiás, Goiânia, Bahia, SalvadorLeia mais |Bolo e doces: Isabella SuplicyFornecedoresISABELLA SUPLICYBolos & DocesSão Paulo, São Paulo (Capital)Leia mais | Vestido de noiva: Wanda BorgesFornecedoresWANDA BORGESVestidos de NoivaSão Paulo, São Paulo (Capital)Leia mais | Cabelo e maquiagem: Ricardo Maia | Acessório de cabeça: Tula Casqueteria | Convite e papelaria: Linum

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *